Algumas pesquisas mostram que nos dois anos que antecederam o início das crises de pânico, muitas pessoas viveram situações traumáticas como perdas, separações, doenças, enquanto outras passaram por fases estressantes como problemas no trabalho, mudanças importantes na vida, etc. Estes fatores contribuíram para que a pessoa se sentisse emocionalmente fragilizada e vulnerável.
A ansiedade é a emoção natural quando uma pessoa se sente vulnerável. E uma crise de pânico é uma decorrência possível deste estado de vulnerabilidade.
A situação estressante recente pode trazer de volta um sentimento profundo de fragilidade que a pessoa sentiu em sua infância – experiência muitas vezes esquecida – mas que vai reaparecer, contribuindo para as crises de ansiedade.
Uma meta importante no tratamento é ajudar a pessoa a entrar em contato com esta experiência interna de fragilidade que está na origem do processo que levou ao Pânico, poder suportar este sentimento, podendo sentir-se frágil sem entrar em pânico.

287 Comments
  1. Mariana

    Estou tendo esse sério problema, hoje mesmo em uma reunião importante estava tudo bem, quando começa a me dar alguns apertos no peito, tanto na lateral como no meio. Já fui a dois cardiologistas e eles disseram que meu coração está OK. Mesmo assim eu começo achar que é uma doença não sei mais o que pensar. Tenho 19 anos e sinto que estou surtando. Já fui ao psiquiatra que me receitou PONDERA, estou tomando há uns dois meses mais parece que não surtiu muito efeito. Essas pontadas me deixam extremamente ansiosa e com medo de morrer, aí parece que começa a me dar umas dores estranhas nos ossos dos dedos e do braço. Não sei bem o que é mais estou com muito medo. Tentei ligar no seu consultório, mas ninguém atende. Tem algum modo de contato?

    Atenciosamente,
    Mariana

    • mariane tou com esses mesmo problema sofro muito tenhu muito
      medo nao sei oque faze preciso de ajuda urgente tenhu medo de morre ja fiz exame e nada foi fazer de novo e uma falta de ar insuportavel ser vc tive aii pega meu tel… ta (87)9161-4045 preciso fala com alguem que tenha esses problema so a sim saberemos converssa um com outro olha tou precisando de ajuda 🙁 que Deus abençoe agente

      • dijane souza

        eu tenho dor no peito forte nao consigo dormir direito o medico me receitou pasamix to tomando mais ainda na da .to comedo
        ja bati um eletro e nada ta tudo bem o que posso fazer

        • Eliana

          Espero que esteja melhor, e gostaria de saber se houve alguma mudança, como vc esta hoje….tbm tento viver, mas ainda creio na cura…beijos

          • Josnei Magalhães

            Com certeza DEus está no controle e Ele há de nos curar desse mal, Ele é poderoso, o Deus do Impossível, vç Crer???

        • lilia cardoso

          oiiiiiiiiiiiiiii dijane , o pasamix não vaiadiantar , procure um psiquiatra , só ele sim vai ti receitar, o remédio certo caso queira conversar e desabafar me adicione no face LILIA CARDOSO fique com Deus

          • Adri

            To vendo q parte dos casos aqui são mulheres, sou homen tenho 27 anos e estou passando por isso a segunda vez da primeira vez foi por causa da separação, e agora é porque estou desempregado e desconfiando da minha mulher a mesma há qual me separei uns 3 anos atraz, ela me traiu a primeira vez e eu há perdoei, e dessa vez estou desconfiado dela ai voltou todos esses sintomas, eu não tomei nem um tipo de remédio, Deus me libertou através de orações muitas orações,… E agora só Deus novamente, procurem uma igreja seria que prega o evangelho verdadeiro de Jesus Cristo… E se libertem, saíamos dessa roda gigante sentimental de um dia auto e outro dia baixo… Abraços meu email é Ad.emplima@gmail.com, quem quiser conversa abraços a melhoras pra todos…

          • Aguilea

            Gostaria muito de te adicionar no face mas não te encontrei…mim adiciona ai Aguiléa santos.

          • celia regina

            oi? olha tem 2 anos que venho lutando contra esta doença sinto mal ainda não aprendi a lidar com isto tomo clonazepan paroxetina ate remédio de pressão eu tomo porque fico tensa o dia todo acordo a noite com meu coração palpitando parece que tou morrendo me da enjoou tonteira suor mãos frias e dores pelo corpo corro pro pronto socorro chorando desesperada gente e horrível dores de cabeça forte não sei mais quem pode me ajudar so deus amem

          • gilvan henrique

            eu tentei lhe adicionar mas tem muitas pessoas com o seu nome poderia me adicionar? gilvanh@gmail.com e quem tiver passando por esses problemas tabem pode me adicionar obg

        • Ricardo mohamed ferreira

          Mariana querida tenha calma, eu tambem passei por isso em 2014. Dá um medo na gente o coracão acelera a garganta seca sente uma sensacao entranha parece q esta no mundo da lua medo de morrer. Meu medico me passou a medicacão paroxetina hoje estou curado.

      • Tatiana de Cassia da Silva .

        Boa tarde!

        olá esses sintomas é Sindrome do Panico tem um grupo no facebook pode te ajudar nisso, eu participo e tenho esses mesmo sintomas que vcs…
        Tatiana

        • Daniela

          Oi por favor q grupo e esse no face preciso de ajuda tbem .

          • Danilo Vicente Sobral

            Gente, tenho visto muita gente com o mesmo problema, tenho ou tinha sindrome do panico a 2 anos e acreditem eu achei durante meses que ia morrer aqui vai alguns sintomas que jah senti, dor nas juntas, dor nas costas, dor no peito lado esquerdo do lado direito, falta de ar pressão “aperto no peito” calor, suor nas mãos, suor nos pés, olhar nas fezes e acreditar que tem sangue, visão turva, tontura, dor de cabeça, etc… Resumindo acredito q jah devo ter sentido praticamente todo tipo de dor, e agora a apenas 1 semana depois de ir em mais de 3 psicólogos psicoterapeutas e piscatras sem contar com os cardiologistas, etc… Descobri algo que tem me ajudado… Para nao ficar muito grande vou colocar em mais uma resposta…

          • Danilo Vicente Sobral

            Bem vou começar falando dos remédios jah tomei um porre deles aprazolan, lexsotan, dramim b6, rivotril, apraz, serenata, entre outros, hoje tomo rivotril 0,25mg “sublingual” foi maravilhoso no começo e ainda eh pois sarava minha crise quase q instantaneamente, a dificuldade para dormir tenho conseguido controlar com apraz e dramim b6, ainda tomo atenol para pressão alta, e floral de bah 7x por dia 7 gotas sublingual, mas queria deixar 2 mensagens primeiro que brevemente vou abrir um blog contando minha história, segundo que vcs precisam mudar sua vida, vcs estão doentes sim e pior de tudo eh q o comprimido nao existe pq esta dentro de sua cabeça isso eh o mais foda dizer mas como se ela me diz q sim eh sim, errado!!!! Se sua cabeça esta desequilibrada vc terá que mostrar a ela o que eh correto, sobre as pessoas que pensam que vão morrer de infarto queria lembrar uma coisa, alguem sabe que infarto em pessoas abaixo de 40 anos normalmente eh fulminante? Ou seja pá pum morreu e vc nem viu, respiração, leitura, boa alimentação, conhecimento, e força de vontade… Conta muito, acredito que nao tem como eu escrever um terço do que quero publicar…, mas de momento quero dizer que caso alguem queira conversar ou perguntar algo pode entrar em contato pelo e-mail dsobral@hotmail.com

          • beta.simplicio@hotmail.com

            O grupo de ajuda é: sindrome de panico, grupo de ajuda.

          • Val

            Procurem no facebook, os grupos de ajuda, têm um super confiável que é Síndrome do Pânico onde o dr. Isaac Efraim, q é super competente na área.
            Q Deus ajudem a tds e nunca desistam! Se um remédio não deu certo, retorne o médico,há outros tipos, e se for o caso, outro profissional também.
            Tudo pode ser controlado,amenizado hoje em dia, pois temos cada dia medicações mais modernas e com menos efeitos colaterais.

        • João Bruno Pereira da Silva

          Tenho esses mesmos sitomas, não sei mas o que fazer pela segunda vez estou em crise, tomando Amprz e Cloridrato de Citalopran mas não esta resolvendo se vc melhorou e puder me ajudar meu imail: jbpmta@hotmail.com

          • Ellem

            tenho26 anos, estou passando por uma dificuldade imensa.
            Sinto um aperto no peito, dificuldade de respirar, fraqueza, vontade de chorrar , falta de concentração, memoria fraca, sensação de que vou morrer, estou muito fragilizada, sensível, qualquer coisa que me contraria, os sintomas ficam intensos, me da dor de barriga. perco o apetite. vontade de vomitar.
            Não sei o que tenho, estou procurando um especialista.

        • claudina

          como poço encontrar vcs? queria muito ajuda

        • angela

          minha cunhafa sofre de sindrome do pânico. qual e’ o grupo do face, para trocarem experiencias?

        • Ricardo mohamed ferreira

          Eu passei por isso tudo. Isso é síndrome do pânico. O coração acelera medo de morrer, quem ñ conhece acha q vai morrer. Mais isso passa vai no medico faz exames ñ tem nada. Ficam tranquilo q essas crises não matam ninguem. Mais é bom procurar um psiquiatra. Eu passei por isso hoje estou curado graças a deus. Quero passa minha experiência para os outros e poder ajudar outras pessoas. Quem quiser me adc no face!! Se alguem tiver algum grupo me passa q eu quero ajudar e participar. Tomei a medicacao paroxitina receitado pelo medido. Tomei a medicacao 6 meses hoje estou curado. Ñ tomo mais nada. Graças a deus. Meu zap 21992790581se vc quiser ajuda ou trocar experiêcias entra em contato.meu face ricardo mohamed ferreira.

      • sergio felipe

        estes como outros sintomas , são de sindrome do pânico , parece assustador , é horrível , sensaçoes absurdas , infelizmente fiz varias , tentativas de recursos médicos e não obtive resposta , fiquei 10 anos sob controle e ultimamente voltou as crises , minha amiga o que tenho para te dar é muito importate para todos que estão lendo , DEUS é a unica solução para este e outros processos , pois é uma problema que nenhum exame dará alguma coisa , só o senhor tem o poder de retirar este panico que de alguma forma entou em nós mais vai sair em nome de jesus cristo este nome tem e terá poder sempre , então , que te posso te dizer é , confia no senhor e el te dará não só a cura mais muito mais do que necessitas , amém . fique na paz . procure hoje mesmo o senhor ele que te curar .

      • elodir sotoriva

        opa anderson oq vc publicou ta acontecendo comigo tambem da uma sensação q vou morrer.estou tomando bupropiona q o doutor receitou mas nao sei se vai resolver eu penso sera q isso nunca vai ter fim. q deus te ajude

      • lidy

        Oi pessoal tenho o mesmo problema mas creio em DEUS Q a vitoria e certa

      • Junior

        Bom dia Andson estou vendo o seu post e quero dizer que a minha esposa passou por tudo isso. Era um medo de morrer que a todo instante ela se despedia de todos dizendo que estava morrendo. Não conseguia sentar em um restaurante pra Jantar muito menos entrar num Shopping. Tomei a decisão de leva-la ao psiquiatra e quebrar esse tabu de que eles são médicos de Loucos. Na verdade não é foi uma sabia decisão hoje ela tem 8 meses de tratamento com o Pondera 10mg e Rivotril 2mg pra dormir a vida dela mudou da agua pro vinho, porém só notamos mudanças depois de uns 3 meses de uso do medicamento. E digo que a vida dela (nossa) esta 100% melhor do que vivíamos.

      • Elisangela Aparecida Marques

        Procure um médico para que ele faça uma avaliação,mas também pode pedir um clínico exames de tireoide,a crise de panico vem aós uma depressão mal tratada,estou vivendo isso mas tá difícil viu,to tomando paroxetina e lorazepan,gostaria mto de saber hoje como todos vcs q postaram estão se sentindo,,,,DEUS abençõe todos……

      • katia eliane d. de o. pinheiro

        Olá Andson, boa noite! Sem que tem muito tempo que vc fez esse comentário e espero que hoje sua realidade seja outra. De qualquer forma existe um medicamento homeopatico que é batata para esse tipo de medo. Tenha fé em DEUS, procure um profissional, e tenha certeza que tudo isso vai passar. Eu passei por um momento desses que foi bem difícil. Hoje estou bem. DEUS te abençoe

    • maristella

      boa tarde Mariana,como está?
      sou Maristella
      e passo pela mesma situação que vc!
      mas meu caso é mais intenso e já tem dois anos que eu estou tomando remédios controlados e principalmente de epilepsia!!
      antes eu tinha um vasto de inumeros de sintomas quias eu n conseguia suportar,sempre ia para o hospital para tomar soro.
      eu tinha e hoje tenho de vez em quando esses sitomas:falta de ar,sensação de sufoco,mals estar generalizados,dores de cabeça forte,tontura,despersonalização,aperto no peito,dores nos ossos e nas articulções,visão turva,irritabilidade,confusão,perda de memória temporaria,mudanças de personalidades até chegar a depressão e eu converter os meus sintomas emocionais para fisico..
      e entre outros sintomas quias eu n consigo descrever…
      hoje eu vivo melhor e continuo o meu tratamento com um poisiquiatra e rémedios controlados e tb sempre procura ocupar a minha mente com coisas signiicativas e tento evitar o stress,que é um fator que desenvolveu esses sintomas!!!
      hoje eu vvo assim!!
      n se preocupe
      procure um bom profissional de um pisiqueiatra e de seus familiares,e primeiramente Deus!!!
      beijos!!!
      e fica na paz de jesus, que vc consiga se libertar desses prblema!!!
      hoje eu estou escrevendo e tb tendo alguns sintomas tipo:tontura..
      mas eu estou tentando controlar esses sintomas!!
      bj
      fica com Deus!!!

      • Isa Ana

        mana me explica como é essa tua perda de memória temporária?

    • olha mariana,eu to com o mesmo problema que vc esta, ja fiz todos os tipos de exames do coraçao mas nunca dar nada,ja estou cansanda to indo no psiquiatra estou tomando amitryl e rivoltril mas pareçe que a situaçao so piora e uma falta de ar uma dor na garganta nao consigo controlar meu maxilar eu nao aguento mais fico pensando que eu vou morrer a qualquer momento e uma dor no peito doi ate minha nuca me ajudem pelo amor de deus…

      • ligia

        Eu tambem estou passando pelo mesmo problema,é horrivel,não consigo sair de casa e quando saio ate o mercado vo contando os passos pra não cair ,tudo roda,todo dia um sintoma no corpo .Gente que doença é esta meu deus ,ja tomei todos medicamentos,paroxetina,proparoxetina,sertralina,rivotril 2mg,floxetina,minha casa é uma farmacia ,fico dentro de casa ,e nem em festa posso ir por causa do barulho .Infelismente a familia geralmente não acredita é agarrar com deus e esperar a vitória tem 1 ano que estou assim ela vai e volta ,só Deus.

        • ligia

          Ah ,e lembrando por causas destas crise de panico a noite tenho bruxismo ao dormir e o que me restou é fazer uma cirurgia na atm,na tempora mandibular ,faltam 2 semanas pra cirurgia e ja to com medo de tomar a anestesia e não acordar.Alguem pode me ajudar.

        • sergio felipe

          isto mesmo ligia , estes são os unicos remédios conhecidospara dar uma calma na crise , mas, é tenporária , eu tenho isto nem sei de onde saiu , mais eu sou cristáo desde criança , nem por isto culpo alquem , espero no senhor com paciencia , cofie tambem nele , jesus é o caminho , infelizmente nós só seremos curados deste dificil e constrangedor processo , quando nós aceitarmos a jesus como salvador de nossas vidas , creia , ele sempre foi a soluçaõ .amem.

        • celia regina

          sinto também 2 anos já faz choro muito sinto tristeza acho que vai me acontecer algo comigo ou com quem amo tenho uma filha de 14 anos ela presiza de mim mais o sentimento maior que sinto e medo de eu morrer e não ver mais o rostinho dela rindo para mim e o medo e ela sofrer por sentir minha falta sabem o que estou dizendo? gente porque isto acontece com nos por favor alguém me responde

          • lidia sousa

            Ola celia!também sinto esses mesmo sintomas,também tenho um filho de quatro anos,sei oque você esta passando também estou,mas temos que ter fé em Deus,ele cura nossas dores,vamos reza pedi pra ele cura.

    • josé miltom Souza Leão

      A sete anos q sofroalcuns propremas, medo de viajar, quando penço em viajar midar falta de ar, medo de ter uma crise e morrer na estrada, so fico ms confiavel se for com minha espoza, ancia de vomito,fogo no estomago, dor de cabeça imediata, secreção na garganta medo de me engasgar, aceleramento no coração, ms q tudo passa logo, pricipalmente quando começo a conversar com as pessoas q eu gosto muito, e muito dolorozo, ms nada melhor q ouvir depuimentos das outras pessoas, q Deus abençoe a no´s todos!!!

      • Elisangela Aparecida Marques

        Olá José Milton eu tenho este problema é sindrome do panico,tomo paroxetina e lorazepan tambem nao viajo à 13 anostenho mto medo da crise de panico,as vezes toda minha família viaja e eu fico em casa e ainda sinto panico de saber que eles viajaram e estão longe de mim,e nos ultimos meses parei de uma vez por conta própria com a paroxetina entao tive uma crise mto forte agora to iniciando novamente a paroxetina e ta dificil viu,e olha q to tomando uma lasquinha so um pedacinho,fazem 5 dias q recomecei,tem hora q dá vontade de desistir,mas enfim gostaria mto de saber como vc está……..

    • Kelly

      Minha amada ja passei por tudo isso e mais um pouco, resolvi todos os meus problemas clamando a Deus e Ele me uoviu, o grande lance da cura para o panico é vc descobrir que ele nao te mata, eu aprendi que quando os sintomas surgiam eu cantava louvores e dizia vai passar o Senhor esta comigo, respira profundamente e continuava a cantar meus louvores e assim os sintomas iam desaparecendo, aprendi a me conhecer e sou livre de todo este terrir que e ter sindrome di panico. Ja parei ate no balao de oxigenio achando que ia morrer. Lembre-se ‘ Posso Todas as Coisas Naquele que me Fortalece, Deus lhe Abencoe…

      • Danielle

        Vc me ajuda tanto com esse depoimento!!!!

        • marlete

          Pois eu acho Daniela que vc precisa mesmo de muita oração.Acredite, Deus cura.Tenha fe.Se vc precisa tomar medicamentos e por algum motivo vc tem receio, peça uma luz DIVINA, ele vai colocar a pessoa certa na sua vida.PROFISSIONAL E MEDICAMENTOS.Porque temos fe em Deus nao significa deixar de tomar medicamentos, mas sim pedir a cura atravez destes medicamentos.Jme curei sem precisar de medicamentos.Fazendo novenas DO DIVINO PAI ETERNO REDE VIDA, MISSAS, vc pode fazer longas caminhadas, boas alimentaçoes, andasr de bicicleta, ver bons filmes, amar….tudo isso ajuda.Sei que e horrivel nao ter coragem nem de sai de casa.SE sentir sozinha mesmo….mas Deus esta te abençoando e protegendo, vai dar tudo certo…

          • Jesus e dono de toda verdade,ele sabe de tosa as coisas.ame a ele .elenos ajudara em todos os momentos de nosas vidas ame.

      • DIANE OLIVEIRA GONÇALVES

        AMEM, DEUS É O UNICO CAMINHO PARA A CURA, É SO COLOCARMOS ELE EM NOSSO PENSAMENTO TODA VEZ QUE SENTIMOS ESSE SINTOMAS, TRAZ UMA PAZ INTERIOR, O LOGO PASSA E VOLTAMOS A NOS SENTIR BEM.

      • analumary@hotmail.com

        Perfeita sua resposta e o que eu vou fazer respiração e clamar a ele q tudo pode amooooo senhor e creio vou superar

      • cleize frança

        Isso acontece muito comigo, na última sexta feira também parei em um balão de oxigênio, achando que iria morrer, o médico trocou o fluxene, por pondera, Cloridrato de paroxetina, sendo que eu estou achando que ele esta acelerando meus batimentos cardíacos, me deixando sem forças para caminha ou até mesmo ficar sentada, tenho que ficar bastante tempo deitada até que isso passe, e com um aparelho de pressão no pulso o tempo todo, isso é horrível, preciso conversar com alguém….

        • Gabriela Santos

          Lendo suas palavras,pensei que era eu.Que coisa horrivel,que coisa desgastante nao é?Faço minhas as suas palavras,quando tomo o paroxetina parece que fico pior,o medo aumenta,e a sensaçao de desrealidade aumentam.Se vc aceitar minha amizade,pode me adc no face,e podemos conversar,e dividir o medo e a tristeza,pois minha familia nao me entende.abraços e forças.

          • Elisangela Aparecida Marques

            Olá Gabriela Souza tambem sofro com sindrome do panico,minha prieira crise foi a 13 anos atras
            mas com o tempo parei o medicamento por mnha conta agora estou recomeçando a paroxetina novamente e é mto sofredor,mas DEUS está no controlede tudo,eu já passei por tudo isso uma vez agora estoupassando de novoe o pior é q to tomando 1 mg a 2 mg com medo dos efeitos e mesmo ainda tem,to na espequitativa de melhorar logo fazem 5 dias q retomei,,,um grande abraço e de notícias ,queremos saber comovc está hoje….

          • tatiana

            me add sinto as mesmas coisas que vc bjins

        • Regiane Baldi

          Não pude deixar de rir qto ao aparelho de pressão!!!rsrsrrssrsrrs olho para ele toda hora,e agora que estou deixando ele em casa para não trazer para o trablho..

      • Isa

        Jesus, é a cura.

    • Jhonys

      Tb tenho isso c vc quiser, tem meu face é Jhonys victor

    • marcia

      tudo que vc sente é o mesmo que eu sinto, faço tratamento com a pesiquiatrica. hoje eu me sinto ótima.

    • Sabrina

      Eu tenho 15 anos e tenho a Síndrome do Pânico, parece que a gente tá surtando mesmo.. Mas é por ansiedade, por problemas que ficamos muito na cabeça..
      Eu tomo Daforim ou Fluoxitina e tem me ajudado muito!
      Fale com seu médico, mas tudo irá ficar bem.
      É só um momento delicado!
      Abraços

    • elodir sotoriva

      mariane oq vc publicou ta acontecendo comigo tambem da uma sensação q vou morrer.estou tomando bupropiona q o doutor receitou mas nao sei se vai resolver eu penso sera q isso nunca vai ter fim. eu ja tenho medo sempre q deus te ajude e me ajude

    • Nossa também estou sentindo isso ja não sei oque fazer, fiz exames completos sangue, urina, coração e nada deu ja não sei vem do nada eu estou calma 🙁

      • cathiane livia

        gente eu também sofro com isso faz 10 anos que eu sinto um susto de repente e um tremor nas mãos tudo que está me minhas mãos eu derrubo ontem mesmo levei uma queda no meio da rua já cair de moto não sei mais o que fazer já fiz tomografia, eletro do coração não sei mais o que fazer. alguém pode me indicar algum médico ?

    • marcia santos

      Mariana, fazem 7 anos que convivo com este problema, uso paroxitina 20 mg e clonazepan 2,5. O que me ajudou foram as sessões de acupuntura e psicologa e
      as caminhadas. Tenha Fé em Deus e em você, tudo vai dar certo.

    • Mari sinto muita falta de ar e sabe oq eu faço pego a bíblia e clamo a deus não importa sua religião deus te vê e te escuta ele tem visto teu sofrimento e quer enchugar as suas lagrimas peça a deus procure uma igreja pois quem vai te curar é nosso senhor e salvador Jesus Cristo leia salmo 91 e alcalme se deus te ama

    • caudina

      mariana, vc esta melhor, eu estou assim também queria ajuda.

    • DANILO SANTOS

      OLÁ, FAZEM 2 MESES QUE ESTOU TENDO ESSES MESMOS SINTOMAS, DORES NO PEITO, NOS BRAÇOS, SINTO UM NÓ NA GARGANTA COMO SE FOSSE ME FALTAR O AR, É HORRÍVEL, JA PERAMBULEI EM VÁRIOS HOSPITAIS JA FIZ CHECK-UP GERAL E ESTA TUDO OK, COMECEI A TOMAR BUP, ESPERO QUE MELHORE, POIS É MUITO RUIM ESSA SENSAÇÃO, NÃO DESEJO P NINGUÉM, ESPERO QUE DEUS NOS AJUDE!

    • Nilcilene

      Entre em contato comigo sinto as mesmas coisas porém a uma resposta para tudo isso. Bjos fique com Deus

  2. Artur

    Mariana
    Realmente estamos sem a nossa recepcionista.
    Você pode deixar um recado na secretária eletrônica que retornamos a sua ligação.
    Um abraço,
    Artur

    • Carlindo batista da Silva júnior

      Arthur amigo pfv mim adiciona eu tenho estes mesmo sintomas que o pessoa valor tenho dor nas juntas,tenho medo to com fraca memória estressado tem como VC mim ajudar isso faz mas de um ano e meio.

  3. Thaís

    Boa Noite Artur,
    Quero lhe agradecer pelas informações disponibilizadas no site e no blog. Nunca tinha lido nada tão esclarecedor a respeito do pânico. Venho enfrentando a sindrôme do pânico há um tempo e depois do uso do medicamento (lexapro) há um pouco mais de dois meses tenho melhorado significativamente. Contudo, ainda não me sinto totalmente curada. Faço terapia e pretendo mostrar seus artigos à minha psicóloga. Depois que eu li o que vc escreveu me senti mais tranquila, compreeendi melhor o processo e vi que existem saídas!
    muito obrigada!
    Thaís -Brasília-DF

  4. Luciana

    Olá, tenho esse mesmo problema, ansiedade extrema, sinto que saoi do corpo, que perco a realidade. Uma vez eu estava dentro d eum avião para fazer uma viagem internacional longa e não consegui ir, desci do avião passando muito mal e o comandante não me deixou embarcar novamente.
    Estive pensando se é possível através da hipnose alguma melhora??
    E o senhor atende algum tipo de plano de saúde?
    Agradeço muito seu blog, foi esclarecedor. Mas temo que nunca mais consiga levar minha vida como era.
    Grata

  5. Camila

    É verdade, a minha primeira crise de panico foi ha cerca de uns 14 anos atras , nao me lembro qt tempo apos a perda d 2 tias queridas. Alem diss, estava sempre sobre forte pressão pois trabalhava num ambiente hostil e de muita inveja, eu detestava aquele lugar. Na epoca descobri que era panico por mim mesma, apos ter percorido inumeros consultorios chegando mesmo a pensar que eu tinha alguma doença incuravel. Levou muito tempo para eu perceber e aceitar que eu nao tinha nenhum problema de origem fisiologica. A pulaçao de galho em galho so terminou qdo um cardiologista realmente interessado em resolver meu problema decidiu me acompanhar e me ajudar ( O descaso de muitos medicos em nosso pais é mesmo um caso de policia. Todo sofrimento podia ter sido evitado se um clinico geral tivesse me dado a devida atenção e tivesse algum interesse em realmente honrar seu juramento e investigado mais a fundo o meu problema). Na epoca eu descobri que possuia um leve prolapso da valvula mitral e isso fazia com que meu coração as vezes desse “aquele soco” como uma pequena parada de milesimo de segundos e que era o disparo da crise de panico pois eu nao sabia o que eu tinha. Na epoca nao cheguei a tomar medicamento para o panico pois o remedio para o coração ja me “tranquilizou” bastante pois eu sabia que o prolapso nao me mataria. Assim, qdo eu sentia o disparo, respirava fundo e dizia para mim mesma: calma, vc nao tem nada, vc esta otima, vai passar. E incrivelmente eu realmente consegui vencer o problema.

    Depois de alguns anos o panico voltou em função de outros dois pequenos mas muito incomodos problemas fisiologicos: disfunçao de ATM e refluxo gastroesofagico.
    Eu sentia uma forte pressao nos ouvidos o que levava a uma sensação de travamento no maxilar. Muita falta de ar, secreção na traqueia ( em razao de uma leve esofagite provocada pelo refluxo e é claro pela ansiedade). Alem disso, desenvolvi um medo enorme de lugares com muitas pessoas. Tambem estava me sentindo muito deprimida com tudo isso e busquei ajuda psiquiatrica pois percebi que a tentiva de auto-controle da outra epoca nao estava funcionando. Concomitantemente apos uma estressante e desgastante busca de diagnostico dos problemas de atm e refluxo que fiz o tratamento e tudo foi resolvido.

    E a terceira crise de panico aconteceu em 2007 apos a perda do meu avo que era uma grande referencia para mim e que eu amava muito. Primeiro entrei numa depressao profunda e depois começaram os ataques de panico. Busquei ajuda psiquiatrica e estou em tratamento medicamentoso. Viva a paroxetina e o fato de 14 anos depois finalmente ter me libertado daquele emprego detestavel! Estou em tratamento desde 2007. E ainda preciso aprender a parar de ter panico de ter panico. É mesmo um inferno esta doença!

    • Luiz

      Também estava tendo mesmos sintomas que você. A disfunção da ATM foi resultado de excesso de tensão por vários anos, e esporadicamente sentia essas pancadas esquisitas no coração que como você disse é um prolapso. Fui à vários médicos durante 15 anos e ninguém diagnosticou ATM. Meu problema foi emocional por uma separação dolorosa que eu tive. Percebendo isso, passei a fazer acupuntura para relaxar a tensão dos maxilares, pois a pressão era excessiva na região temporo-maxilar devido ao stress, também comecei a fazer terapia exercícios físicos diários e para completar de vez fiz um curso de massagem tântrica. Engraçado que por preconceito ninguém fala disso, mas uma boa massagem tântrica me ajudou a liberar toda energia ruim que estava acumulada em meu corpo. Ah… também coloquei uma placa nos dentes para corrigir aliviar a pressão dos maxilares. Está tudo melhorando muito, espero que alguma dessas dicas de ajude e você não precise mais de remédios. Um grande abraço, tudo de bom pra você.

    • Vandney Mendonça de Souza

      Eu tive estes mesmos problemas há aproximadamente 20 anos atrás, realmente a Paroxetina é milagrosa. Mas quanto as crises de ansiedade, o melhor a fazer, é procurar respirar fundo, tirar o foco do problema, SP não mata, é só uma reação que o nosso organismo tem a reagir a uma situação de perigo. Como um susto. As crises vão embora sozinhas, se fosse um problema fisiológico, as pessoas não ficariam boas, somente por fugir do lugar, ir para casa, ou entrar no carro. Boa sorte a todos que passam por este problema, e se cuidem mentalmente.

    • gerlany santtos

      oi camila eu tenho o mesmo sintoma ja fui no cardiologista mas nada tenho muito medo de morrer ponho a lingua para fora toda hora para ver se n esta roxa n sei mas o que fazer

  6. Camila

    complementando…
    Alem do medo de ter outra crise, nao sei mais lidar com determinadas situações. Situações que me provocam sentimentos de raiva, ansiedade, que me deixem nervosa, me disparam o ataque. Mesmo com o uso do medicamento.

  7. Iara

    Olá Camila, sei exatamente o que vc sente..também tomo paroxetina, aliás..q benção de remédio…hoje tomo com dose mais baixa, pois nao estou mais em crise, mas dependendo de alguam situação desagradável que passo, as crises de ansiedade voltam..
    Gostaria muito de ficar livre disso também…realmente é um inferno, principalmente pq muitas pessoas nao entendem e falam que é somente um ” piti “, como ja ouvi várias vezes, mas só quem tem sabe o quanto é horrivel. Uma coisa que tenho feito muito pra manter o auto-controle é me apegar em Deus, afinal foi Ele que nos fez e sabe cada sensação do nosso corpo. Por isso tenho pedido muito a Deus que me ajude a vencer!!!
    O que é bom, apesar de tudo, é saber que existem muitas pessoas que passam por isso também, ou seja, eu não estou ficando louca..rsrs..
    Um abraço,

    • Regiane Baldi

      o que é a paroxetina??ja tomei proximax,reconter e hj tomo velija 30 mg…e rivotril 1 mg… mais do nada tenho ,trabalhando,dormindo,sentada,conversando,as vezes sinto aquelas palpitações..não saio de casa sem o rivotril,ou melhor sem o arsenal de remedios..e toda hora estoyu em contato com meu psiquiatra…hospital,caidio,meu tenho ate vergonha de ir…

  8. Juliana

    oi camila tudo bem? nao nos conhecemos, mas venho sempre aqui, quantos anos vc tem? e o q faz pra conviver com isso? pelo seu comentario, parece q lida bem ou é indiferente ao problema, nossa!!! é horrivel mesmo. c puder ajudar, Deus lhe pague.

  9. Juliana

    oi Iara, tudo bem? Eu nao to tomando remedio, tomeu 2 cartelas d alprazolan. Ha quanto tempo teve esse inesqecivel contato, kkk

  10. Iara

    Olá Juliana, td bem?
    Entao…eu tive a primeira crise no ano de 2008, qdo fui transferida de setor no trabalho, porem agora que ja sei o que é, lembro-me de algumas vezes q me senti mal, mas nao sabia o que era, sempre achei que minha pressão é que caía por nada…rsrsrs..
    Iniciei o tratamento com um cardiologista, que me receitou Rivotril em gotas, que é mais fraco e Paroxetina 20 mg. No começo me assustei um pouco, afinal ficava pensando: Putz, sou muito nova (tinha 29 anos..rsrsrs) pra ficar tomando calmante e tal, não queria ficar dependente e fora que escutava de todo mundo q eu tinha que reagir sozinha, mas é praticamente impossivel. Parei com esse tratamenteo sozinha, conforme fui melhorando, mas um ano depois tive novamente e o mesmo cardiologista me orientou a procurar um psiquiatra. O que me deixou pior ainda né, porque eu sempre pensei q psiquiatra era pra gente louca..rsrsrs….Bom, fui ao tal psiquiatra, que me receitou Paroxetina 20 mg de novo e falou que o tratamento durava um tempo, que nao era pra eu parar de tomar por conta própria. Aos poucos fui melhorando, conhecendo minhas reações e tentando me controlar. Também fiz algumas sessões com uma psicóloga, que me ajudou mto também. Agora estou tomando só 10 mg da paroxetina e por mim já teria parado, mas a médica acha que ainda nao é a hora….
    Enfim, percebi que a Síndrome do Panico não tem cura mesmo…mas tem controle…e é o que eu tenho tentado fazer…me controlar quando as crises querem voltar…
    Vamos mantendo contato..rsrs
    Um abraço…

  11. Iara

    Ops….Desculpa Juliana…foi no ano de 2007 a primeira crise e não em 2008…rsrs…ta vendo…a memoria tb fica fraca..kkkkkkkk
    bjus

  12. Juliana

    oi iara eu tenho 25 anos, e sabe, tem sido dificil, mas estou conseguindo, e o chato é “repetindo o q voce disse” nao tem cura mesmo kkk bjim at +

  13. debora

    eu to passando por uma situacao q eu nao entedo,uma vez fui a psicologa ela disse q eu estava com ansiedade,mais depois melhorou, so q tem 5 meses q to desepregada eu to de uma forma q ate buscar meu filho na escola ta dificil,fico com medo de passar mal na rua,nao tenho comido direito,sinto muita vontade de vomitar e minha cabeca doi direto,nossa to sofrendo muito mais nao sei oq tenho relmante,elguem pode me ajudar nao sei mais oq fazer……..abraco pra todos…..

  14. Iara

    Olá Juliana…confesso que pra mim foi muito dificil também…no começo ninguém entende né…mas graças a Deus eu tive o apoio da minha família, que é fundamental num momento desses…
    Procure um médico sim, tome os medicamentos receitados e tenha fé em Deus que tudo vai passar…..
    se quiser pode me mandar email: iarafavaretto@gmail.com
    Um abraço
    Fique com Deus..

  15. Iara

    Olá Débora..pelo que vc relata, você está apresentando sinais de síndrome do pânico…a qual eu conheço muito bem….
    Você precisa procurar um psiquiatra pra te ajudar, que podera receitar algo que faça você melhorar.
    Sei que deve estar sendo dificil, pois vc ainda está conhecendo esse problema, mas posso garantir que não é um bicho de 7 cabeças, tem tratamento e com o tempo vc mesma consegue se controlar.
    Confie em Deus e peça a Ele que lhe encaminhe para um bom médico e tudo vai dar certo..
    Um abraço e fica com Deus…

  16. Juliana

    oi Debora, bem, veja no site do Arthur, tem varios artigos interessantes e que nos ajudam a conhecer melhor, o q mais me identifico é o uso dos 5 passos, a partir do momento que passamos a nos observar a nos conhecer, passamos a modificar e a melhorar nosso nível de ansiedade, nao é facil, mas com Deus, nada é impossível. bjos fik em paz, nao se desespere, o primeiro passo, é fazer com que seu medo nao a domine, ele serve de alerta, e nao de punição, certo, dai voce começa a identificar como danos fisicos como mensiona, dor d cabeça, vomito, como causas inconscientes de ansiedade, dai o proximo passo o procurar meios de se acalmar interiormente, q tudo aos poucos vai melhorando, é uma luta diária Débora, mas uma oportunidade unica, de nos conhecermos e valorizar as pessoas q vivem ao nosso redor, pois nada mais tediante e dolorido de se viver. bjos felicidads

    • gabriela

      juliana meu nome é gabriela e acho q tbm estou passando por isso pois sinto quenturas na cabeça tenho medo de dormir fico me olhando de frente do espelho tenho medo, se puder me passa o site do Arthur pra mim ……… preciso me curar estou nova pra isso … rs…

  17. Alda Amaral

    Oi gente!!!!
    Hoje tive outra crise de pânico. Minha história de como ele surgiu é longa, caso queiram saber, escrevam-me: aldagaldin@msn.com. Mas ao ler este blog percebi (Graças a Deus) que não estou sozinha!!! Já pensei em me internar num manicômio e coisas do gênero. Não sei se com algumas de vocês ocorreu isso, mas quando entro em pânico minha pressão sobe e eu acho que vou morrer. Estou com a doença desde 2001 quando mudei-me do Rio de Janeiro pro interior do estado de São Paulo, tive uma grande melhora, mas de uns tempos pra cá, tem voltado com frequência. Gostaria de dizer que tenho orado muito e pedido a Deus que me cure e ele tem me ajudado. Creio até que minha visita a este site faz parte da obra dEle.
    Atualmente tomo alprazolam, mas no dia 30/07 tenho consulta com minha ´psiquiatra e vou retomar o tratamento. Também vou procurar o Mário (meu anjo da guarda) psicólogo que me ajudou a não desistir da faculdade e me ensinou a identificar o que desencadeia o pânico. Quero entender mais como é o processo fisiológico do pânico, para ajudar a Deus a me curar. Fazermos uma bela parceria.

    Agora me ocorreu de sugerir a vocês. Já leram o livro A Cabana? é fantástico e me fez entender bem como me relacionar com Deus.

    Espero que tenha ajudado, mas já afirmo que o relato de vocês me ajudou muito.

    Obrigada

    Alda

  18. Juliana

    olá debora estou lhe adcionando bjos, fik em paz

  19. Yse

    Olá, para todos!
    Li todos os depoimentos e fiquei impressionada como também sinto tudo isso. Tô muito baixo astral desde que descobri que tenho a síndrome do pânico, pois a gente pensa que nunca vai acontecer conosco. Tenho 28 anos, formada em pedagogia e filosofia, sou professora do ensino fundamental e médio de filosofia, faço especialização em filosofia política e um outro curso degraduação (letras), enfim… uma vida atribulada de compromissos intelectuais…tô chorando…mais vou conseguir digitar, já fui em vários médicos gastro, pneumologista, cardiologista…está tudo bem e sempre paro na emergência do hospital com o coração acelerado, sem ar, me tremendo, com enjoo e pensando que vou ter um ataque cardíaco, o clínico geral que me atendeu da última vez me deu receitou um relaxante e pediu que eu procurasse um neuro. Marquei a consulta com o neuro e aí é que foi o choque qdo ele disse que eu estava com a síndrome do pânico e tinha que prourar um psiquiatra ( médico de doido!!) será que tô doida?? Só durmo com a luz do quarto acesa, se eu apagar fico sem ar, não quero ficar sozinha em casa porque penso que vou passar mal, tô com medo de ir para o trabalho e ter uma crise por lá e minha mãe não tá perto para me ajudar!! Só vivo chorando pensando nisso, porque não bebo, não fumo, não uso nenhuma droga, só estudo, sou muito dedicada, muito pontual no meu trabalho sou a primeira que entrega as provas para a supervisora ler e digitar enquanto os outros professores nem ligam e entregam qdo podem sem ficarem estressados como eu. Na universidade quero sempre ler todos os livros e não consigo por causa do tempo e assim acho que não tô sendo dedicada que eu devia me dedicar mais, enfim… me cobro muito, mais eu nunca tinha percebido isso, isso pra mim era normal agora tá sendo uma barra que vou ter que ter forças para superar, vou ao psiquiatra depois de amanhã, minha família tá me dando força, mais eu vivo chorando e triste é só falar no assunto, toda hora penso que vou ter uma nova crise o neuro me receitou rivotril meio comprimido, pra eu tomar esse remédio foi uma luta, Puxa eu tomando remédio tarja preta!!Precisava escrever sobre isso um pouko, depois conto como estou porque hoje estou péssima. Bjoks para todos! Que Deus nos ajude!! laycristhy@hotmail.com

  20. tambem sofri muito com esta doença silenciosa, mais graças a Deus superei muita coisa, nao estou 100% mais eu ainda à de me curar, tenho muito sonhos e muito deles foram interrompidos devido a esta doença, no momento estou sem tratamento nenhum,estou passando por uma crise financeira e nao temho por onde recorrer mas DEUS a de me ajudar logo bjao abraço a todos que infelizmente de passaram por esta experiencia

  21. Juliana

    Olá Yse, estou lhe adiccionando, o meu é jujulianadiniz@hotmail.com c ja deve ter lido alguns depoimentos meus aqui, e olha, nao é nada facil mesmo, mas com o tempo, pesquisas, e muita oração tudo se resolve, tenho alguns contatos todos pela net, q passam a mesma coisa q nós, e vamos nos ajudando, trocando ideias, artigos, consultas, conselhos, dicas, animo. Seja bem vinda. Esta semana mesma, tiv umacrise no trabalho e uma pessoa da net q me ouviu e me ajudou um pouco, fik em paz. lembre-se “Tudo posso naquele que me fortalece” “nada t pertub nada t amedronte, a paciencia tudo alcança.”

  22. iara

    OLA IARA EU TAMBEM TENHO PANICO SOU A FATIMA TENHO MEDO DE TAR SOSINHA EM CASA NAO VOU A RUA JA FUI AO MEDICO E ELE ARECEITOU ME CALMANTES MAS NUNCA TOU BEM ME MANDA RESPOSTA MARIAFALVES@HOTMAIL.CO.UK BEIJOS

  23. Cássia

    Olá, tenho 26 anos, ainda não consegui identificar com certeza quando isso começou, tenho uma ideia que possa ter começa quando eu tinha 11 anos, passei praticamente um ano sem dormir a noite, dormia durante o dia, porque eu tinha pesadelos e visões durante a noite, então ao descer do sol, as crises começavam meus pais nunca souberam disso, eu hoje não sinto segurança para falar do assunto com eles, ou com outras pessoas.
    Sempre tenho crise, sofro muito com o futuro, todos que vão viajar, eu sempre penso no pior, acho que vai ter um acidente que vai morrer que nunca vou ver essa pessoa, já começo a ficar de luto, visualizar minha reação quando souber da noticia, é horrível, não durmo sinto calafrios, suor, o coração fica disparado, é um tormento. Esse pânico pior depois que aquele avião vindo de porto alegre que explodiu no aeroporto de São Paulo em 2007, eu estava no aeroporto de Porto Alegre, meu vôo era o próximo depois daquele, e meu namorado na hora de marca a passagem de volta queria ter ido naquele horário, mas eu pedi para ele que viéssemos no seguinte, pois bem hoje estamos aqui para contar essa história eu deveria celebrar a vida depois disso, mas ocorreu o contrario, hoje tenho pânico de pensar que um dia eu tenha que entrar em um avião de novo, ou de um carro, ou ônibus pra viajar, isso me deprime muito porque meu sonho sempre foi dar a volta ao mundo amo viajar, mas como viajar sem sair de casa.
    Um dia eu tentei contar para uma amiga, mas percebi que ela não estava levando a serio, e nem prestando atenção no que eu estava dizendo. Inclusive alguns dias depois ela fez um piadinha com o assunto, ai me senti exposta e humilhada, me senti como se essa doença fosse coisa de gente franca.
    Mas hoje tive coragem de procurar sobre o assunto na internet e achei esse site, agora estou entendendo melhor sobre a doença, estou aliviada porque tem cura. E o blog e um ambiente ótimo para trocar experiências. Hoje estou feliz porque posso contar aqui minha história.

    • Fabiane Moura

      Oi Cassia. Entrei nesse site procurando algo sobre as crises de pânico, fui lendo as postagens e a tua me chamou a atenção. Eu também por pouco não embarquei nesse vôo. Quem me salvou foi uma amiga que achou um outro vôo, da Oceaner, que sairia 1hr depois. Mas passei um sufoco horrivel naquele aeroporto. Foi bem na época dos caos nos aeroportos e qd cheguei la informaram q o meu vôo atrasaria. Sentei no saguão para esperar e de repente começou a chegar equipes de reportagens, familiares desesperados… e eu ali, com meu filho de 12 anos sem saber o que fazer. Além de tudo, meu vôo tb seria para Congonhas… e ai? Embarquei, meu pai em São Paulo sem saber onde me esperar. Qd o voo fez escala em Curitiba, lá informaram a trajédia e que iriamos para Guarulhos. Foi a ùltima vez que andei de avião. rsrsrs. Breve farei postagens sobre a minha crise do pânico. Até logo!

    • marcia santos

      Olá, sei muito bem como é isso, ir para o hospital, achando que está tendo um ataque do coração, e a pressão está normal, o pior de tudo isto, é que você está sozinha com a doença, pois as pessoas , até mesmo os de sua familia, acham que é frescura .

  24. Boa tarde doutor, poxa tenho passado por maus bocados devido a essa ansiedade desvalassadora, tenho parado em emergêcias constantimente devido a isso. e depois de cada crise eu fico com muitas dores no peito, fico com peito dolorido, a sensaçào é horrivel, já fui ao cardio,endocrino, fiz varios exames e deu tudo ok. Não estou mais aguentando isso doutor, basta eu me aborrecer pra eu começar a sentir esses sintomas q parece mais um infarto,sei lá oq é eu entro em pânico com medo de morrer, pq a sensação é essa de q vou morrer. Estou sem saber oq fazer a quem procurar o senhor poderia me ajudar? me aconselhar oq fazer? me ajude porfavor! obrigado desde já e espero q o senhor possa me orientar.

    • tomo rivotril,juntamente com venlafaxina,ja +de 2 anos ,estou muito mal ,fui no psiquiatra ,ele tirou o rivotil ,passou alprasolam,estou pior ainda,estou desesperada,pois sinto abstinencia do alprasolam,.

      • Mauricio

        Ola Eunice. Troque de psiquiatra ! Se voce faz tratamento a 2 anos e nao melhorou com a venlafaxina, imagino que o remedio nao faz efeito em voce. Quanto a abstinencia do alprasolam, nenhum remedio deve ser descontinuado abruptamente, se foi seu psiquiatra que te orientou dessa forma, é mais um motivo pra voce procurar outro profissional pois esse nao esta te orientando corretamente. De qualquer forma, voce mesma sabe que são efeitos colaterais então, tenha sempre consciencia de que nao se trata de problema de saúde, por mais desagradaveis que sejam, sao apenas sensações.

      • marcia santos

        Olá Eunice, sei muito bem como é está sensação, faz 7 anos que convivo com este problema, graças á Deus , hoje está sobre controle, tomo paroxitina 20 mg, e clonazepan 2,5.
        O que me ajudou foram as sessões de acupuntura e psicologa, juntamente com as caminhadas.Tenha fé em Deus e em você, que vai vencer.

      • JEFFERSON

        Jamais retire um remédio e troque por outro, não é assim que funciona, não sou profissional, mas eu sei que cada remédio tem sua fórmula, queria saber onde foi que esse médico se formou, o certo é acrescentar o novo remédio, e ir diminuindo a dose do antigo remédio aos poucos, geralmente, início o novo remédio com uma dose fraca, e diminue um pouco o antigo remédio, conforme for aumentando o novo remédio, vai diminuindo o antigo, ninguém deveria retirar um e por outro, isso é errado !

  25. Nane

    Boa noite, estou sofrendo a anos com Ansiedade, eu vejo meu problema associado com fobia social, simplesmente estou deixando de viver por causa de uma situacao chata que me acontece. Eu tenho medo de ficar vermelha na frente das pessoas ou seja, fiquei uma vez e coloquei na cabeca que ficarei sempre. Tem momentos que nao me acontece nada, eu tento eu me envolvo nas situacoes mais de repente acontece porque eu me lembro. Parece que eu comando minha cabeca. Alguma pessoa menciona a palavra vermelha/vermelho ou conta qualquer coisa associada a isso, ja volta a acontecer. Parece uma coisa boba, mais eu sei que pra mim nao e. Estou sofrendo muito com isso, ja tenho 26 anos nao posso dizer quando e onde comecou. Ate entao saio normalmente de casa pago as contas vou no mercado, converso na rua mais do modo que estao indo as coisas fica cada dia mais dificil pra mim. Preciso de ajuda, mais nao consigo recorrer a ninguem. Acho que eu deveria me abrir com a minha familia, mais morro de vergonha de comecar a contar do assunto, tenho muito medo de ser julgada de outra forma, e muito triste chorar escondido pelos cantos, acordar com olheiras horriveis e nao poder dizer nada penso muito em fazer besteira, nao sei mais o que fazer pra me ajudar!

  26. Angela

    Olá pessoal..pesquisando sobre “síndrome do Pânico” encontrei esse blog, é muito bom poder conhecer a história de outras pessoas, parece que a gente se sente menos só.
    Tenho 49 anos, casada pela 2ª vez três filhos, já passei “bons” edacinhos em mnha vida. Acho que sempre soube lidar com os problemas. Sempre fui muito ansiosa e choro muito por qualquer coisa, basta que me aborreçam.
    Tive uma crise terrível em 2007, tive formigamentos nas mãos que foi se piornado no corpo todo, taquicardia e falta de ar, chamaram a ambulância, e disseram que tudo estava bem. Achei que ia morrer, mas não quis ir pro hospital, sempre tive horror a hospitais. Como sou pré diabética achei que tinha piorado, mas nada, me disseram que eu devia me alimentar e descansar que passaria…demorou um pouco mas passou, após algumas hoas parecia que eu não tive nada, porém ficou um medo de sentir tudo de novo. Depois dentro de uma ônibus, tb achei que ia morrer, me disseram que ar condicionado fazia mal para algumas pessoas.. Voltando dessa viagem procurei um pneumologista, o que senti parecia ser uma crise brava de asma, não achou nada, e assim tive outras crises mais leves, principalmente a noite, tinha pesadelos e acordava com engasgos e uma sensação de sufocamento.
    Como tenho refluxo, meu medico me disse que refluxa faz isso, e que bastava um trtamento para eu melhorar. A taquicardia e sensação de irregularidade nos batimentos cardíacos me acompanham já há muitos anos, é sempre um mal estar danado, assim resolvi procurar um cardiologista que escobriu que tenho extra-sístole, mas não me receitou nada pq segundo ele é benigno. A frustação aumenta pq ninguém consegue me livrar dos males que sintia (sinto ainda). Resolvi trocar de medico e ele me garantiu que não tenho nada cardíaco, é so mesmo uma extra sistole benigna e que eu deveria ir a um psiquiatra. Fui, e ele diagnosticou apenas uma grave “ansiedade”, recomendou psicoterapia que pra falar a verdade nao gostei, saía de lá muito mal, não me ajudou em nada…comecei um tratamento com venlafaxina e rivotril, melhorei por um tempo os sintomas graves, mas o aperto no coração continuou, ás vezes parece que tem um tijolo em cima do peito, mais a falta de ar e tudo mais, as vezes durmo pensando que vou morrer de infarto..Decidi abandonar o remédio, só tomo rivotril de vez em quando mas os sintomas vem piorando, essa semana estou mal e o problema do reflexo tb tem piorado mesmo tomando remedio(omeprazol) não sei se tem alguma ligação com os sintomas horríveis que sinto, dor ma garganta, queimação e dificuldade pra engolir…Sofro muto com isso, e ainda temos os nossos problemas do dia-a-dia que ajuda a gente a piorar…
    Obrigada ela oportunidade de contar minha história…Gostaria de saber se alguém já passou por coisa semlhante a minha.
    Abraços a todos.

    • Olha angela, meu nome é simone,tenho 30 anos e sinto a mesma coisa que voce,tenho extra sistole tb, disseram que é benigna tb, mas as vezez sinto tontura e falta de ar e fico com medo.Tenho sindrome do panico e aí fica muito complicado.Estou tomando rivotril, mas parece que nao esta melhorando.
      Não sei mais o que faço.Você se curou? Pois afinal já faz 3 anos que voce escreeveu esse comentario..
      Abraços…

    • domingos

      Espero que um dia tudo isso acabe. Porém já sinto isso há mais de 20 anos. tomo esses medicamentos citados, mas confio que quem vai me curar é Deus. Pois partindo do princípio de sua existência, ele nos promete a cura se nos apegarmos a ele. Vamos todos fazer isso e que se transforme numa corrente de fé. que Deus cure a todos nós para sua honra e glória.

    • Renata

      Olá Angela eu tbm tenho síndrome do pânico e estou sofrendo muito pois essa sensação na garganta e no peito eu tbm tenho se quiser manter contato me manda um e-mail rr.galvao@ig.com.br

      beijos
      Renata

  27. FERNANDA NEVES VALENTIN

    estou preculpda um aperto no peito e a presao sobei sinto uma vontande de chora e ficou com medo de ficar em casa sozinha ja fiz exme e nao deu nada graças a deus.tem 4 meses que tive bebe por favor mim ajuda.

  28. Gabriel

    Boa noite,

    suas ifor. foram brlhants…

    muito obrigado por mim e por tds.

  29. Leonardo

    Oi , a 3 semanas comecei a passar mto mal parecido com alguns depoimentos acima, comecei a sentir apertos no peito, tanto na lateral como no meio, n sinto vontade de me alimentar direito , fico pensando em besteiras como morrer do coração , já fui em alguns médicos e todos me indicaram um psquiatra, agora estou em neurose de comer apenas coisas saudaveis e fico olhando a embalagem de todos os produtos, fico com medo de ser algo do coração , as vezes que penso forte q não é nada apenas coisas da minha cabeça as dores vão embora, recentemente nasceu minha filha , avó da minha mulher faleceu , minha bisavó se internou , e me estresso mto no trabalho pois o ambiente é hostil demais, também recentemente mudaram meu horario no trabalho pois antes eu trabalha de 08 até 17 agora de 15:00 até 00:00 quando não é preciso ultrapassar as 00:00 . Gostaria muito de ajuda não sei o que fazer mais , ficarei muito grato se alguém puder me dar uma ajuda.

    Caso possam me add no msn
    Leonardo Frassetti Chagas Porto – Macaé Rio de Janeiro
    leofra7@gmail.com
    leofporto@msn.com

  30. juliana

    Oi tenho 23 anos a 5 anos tenho sindrome do panico..faço tratamento a 5 anos mais ou menos..tomando medicação..mais ja consegui muitas vitorias na minha vida..mais todo dia é uma luta pra mim..meu problema e mais ansiedade que dependendo da situação eu sinto gastura e provoco..
    tenho tanto medo as vezes do meu futuro….ñ sei se um dia ficarei boa..

  31. juliana

    ñ sei mais o que fazer da minha vida….é sagrificio todo dia ..sagrificio sair pra as festa com minha amigas e sair com algum paquera..
    meus Deus é tão ruim ver as pessoas viverem normalmente..sair namorar..e tudo ser torna mais complicado na minha vida

  32. Olá Juliana,

    Parabenizo pela sua iniciativa de nos ajudar com seus depoimentos e palavras de conforto. Neste momento de grande incerteza relatado no seu comentário acima, gostaria de dizer que conseguirá sim ter uma vida semelhante a de suas amigas. Tenha fé…tu parece ser forte e superará com êxito este momento. Felicidades!!!

  33. Vanda

    Neste momento da minha vida sinto que perdi o controlo de tudo, quando passo por alguma situação que tenho de resolver fico logo ansiosa, começo a suar, o batimento cardiaco acelera, parece que tremo por dentro,… nao me consigo controlar … até ja me acontece isto com cenas que da na televisão…
    Gostava que alguem me ajudasse pois tenho um filho e sinto que ele ja percebeu que eu nao tou bem e nao me consegue ajudar … e tem alturas que mesmo perto dele isto me acontece … o que faz com que ele fique ansioso tambem…
    Me ajudem por favor!!!!!

  34. Priscila

    Oi, gente eu tenho 18 anos e há poucos meses comecei a ter crises de ansiedade, de acordo com a psicóloga. Fato é que eu consegui controlar em partes os sintomas iniciais, que eram acordar no meio da noite, com taquicardia, calor, sudorese, palpitação, pensando que iria morrer ou ficar louca…

    Não tomo nenhum medicamento e devo admitir que tenho um pouco de preconceito. Ninguém próximo a minha família tem sintomas parecidos.

    Hoje passo dias indisposta, como corpo formigando, parece que não é real. Todo objeto no qual eu toco parece que eu não vou ter força para pegá-los ou não os sinto como deveria sentir.
    Tenho receio de que possa ser outra doença, pois não consigo acreditar que todo esse mal seja psicológico.

    Tenho receio de estar enlouquecendo, minha mãe diz pra eu ignorar.
    Nós brigamos muito e me sinto pior ainda, ela não entende e nem tenta, diz pra eu pensar que vai passar, mas nunca passa.

    Tenho um namorado maravilhoso e toda vez que tenho crise fico com receio de contar pra ele, pois ele sabe da situação mas como todos nós, não sabe lidar com ela.

    O que devo fazer nessa situação?
    Desde já agradeço, e desejo melhoras a todos vocês.
    Grande abraço.

  35. marina cunha

    ola eu chamo me marina e tambem tenho o mesmo problema estou a fazer um tratamento que e o cipralex espero que resulte pois isto tem sido um pouco dificil mas eu sei que deus vai me ajudar desejo boa sorte para todos com o mesmo problema

  36. Vera Lucia DiasGomes

    Oi Pessoal, por acaso achei este site sobre a sindrome do Panico, me interessou justamente porque tem uns 14 anos que sofro desta maldita sindrome. Tudo que voces estão passando eu já passei e muito mais, mas também me informei tudo sobre o que se pode saber sobre o Panico e ansiedade. Psiquiatras,Psicologos, Hospital das Clinicas, homeopatias, Frontal, etc etc etc… tive mesmo muita sorte porque o meu ginecologista identificou na hora, o que eu sentia e me ajudou muito. Fiquei anos me relacionando com um site australiano, que foi fundamental para o meu controle. e de tudo que fiz para controlar o mais eficaz foi Meditação, fiz um curso de Meditação
    Transcedental, isto porque no site do governo australiano pelas pesquisas deles, concluiram que a melhor coisa contra a ansiedade e que melhor funciona é MEDITAÇÃO.

  37. alana

    oi..me chamo alana tenho 25 anos, e a quase três comecei a ter essa sindrome
    do pânico.tudo começou em 2007 pra ser exata em março.Fiquei com depressão so vivia pelos cantos chorando,tinha medo de morrer e deixar meus filhos.Más mesmo depois de todo esse tempo,preciso de ajudar para que eu possa conviver com isso.Por favor me ajudem desde já sou mt grata…

  38. fiama brito

    Ola!!!fiquei muito feliz em saber que existe pessoas que se preocupam com as outras sem ter nenhum retorno financeiro, que é o caso deste blog….Na minha vida sempre tive varios problemas com ansiedade e pensamentos estranhos, quando criança sofri muito com perguntas sem respostas e medos estranhos e descolhecidos….sempre pensei porque existia o mundo e se nao tivesse ele o que existira,tinha um medo horrivel da minha mae morrer e me deixar, so dormia com ela pois tinha medo de tudo e de todos…Quanto tinha 18 anos perdi minha irma de 11 anos, ai eu tinha certeza que a proxima era eu…Sofri muito,so saia de casa acompanhada de alguem que conhecia,o meu medo chegava a doer nas minhas veias….tive uma filha aos 18 anos e fui pessima mae porque tinha que ficar correndo pra casa de alguem que eu confiasse e ela ia comigo…sofriiiiiiiii muitoooooooo mesmoooo te tanto medo…Aos 23 ffui num neurologista e começou minha via sacra atras da cura do meu medo da vida…Tomei tudo que se possa imaginar de remedios pra sindrome do panico e ansiedade durante 25 anos…Hoje tenho 44 e continuo sofrendo este mal horrivel…Ha 10 anos descobri que tenho arritmia e com isto vivo em panico com medo de morrer…tomo rivotril a 7 anos mas nao adianta muito…Entao começei com paroaxetina 20 que parece a salvaçao da minha vida…Nao tenho medo de nada e nem penso besteiras sobre a vida…Mas aconteceu que meu medico achou que eu tinha sarado e suspendeu o medicamento,vcs nao tem ideia do que acoteceu!!!eu piorei muito mais do que eu tava antes de toma-la…Acho que quando começa tomar paroxetina nao se pode parar nunca mais…PRECISO DE AJUDA DE UM MEDICO…depois que começei tomr paroxetina meus medos sumiram e com eles os meus cabelos, a minha memoria,meu libido nao existe, orgasmo entao nem sei o que é isto….me ajude dr…por favor porque estou assim???

  39. fiama brito

    eu queria muito saber se é normal perder os cabelos,e nao ter vontade de sexo,e perda de memoria…o que façao da vida??

    • Julio Saraiva

      Fiama, esses efeitos colaterais que vc relatou realmente existem e podem ter sido acentuados devido a paroxetina pois eu tenho o mesmo problema. É verdade também q quando tentamos tira-la ou reduzi-la nos sentimos pior do que antes! O mais correto seria procurar uma alternativa para a paroxetina (existem bastantes) ou tomar medicações em paralelo para amenizar os efeitos colaterais dela, eu sei de alguns.

    • Renata

      Olá Fiama eu tbm to com muita queda de cabelo, libido, nem sei mais o que é isso, tbm tenho sindrome do pânico e trans
      torno de ansiedade, eu sei tbm o que é esse sofrimento, me manda um e-mail rr.galvao@ig.com.br
      beijos
      Renata

  40. maria da penha silva

    Olá!!!!!!!! fico muito triste em saber que existem muitas pessoas que sofrem desse horror como eu. Quando tenho as crises da síndrome do pânico, sinto a morte passando pertinho de mim. Saio correndo louca para o hospital, chamo ambulância, peço carona, quando consigo pego minha moto e saio a mil. O hospital parece que é do outro lado do mundo. Minha pressão arterial sobe muito rápido, meu corpo treme, coração dispara. FELIZES ÀQUELES QUE NÃO SABEM O QUE É TER ISSO. Eis aqui alguns termos que sou obrigada a houvir, principalmente no hospital: PITI, HIPOCONDRIA, VOCÊ NÃO TEM NADA, TOMA DIAZEPAN, VAI PESCAR, ARRUMA UM HOMEM, AINDA BEM QUE QUANDO VOCÊ PASSOU MAL EU NÃO ESTAVA DE PLANTÃO, EU TAMBÉM ESTOU DOENTE, VAI NA MACUMBA, VAI PARA IGREJA, VAI NO CURANDEIRO, PARA DE TOMAR OS REMÉDIOS, VAI BEBER E FUMAR QUE PASSA e por aí vai. Onde está o humanismo?? Com os outros poooooooooode!!!!!!!!. Estou com 51 anos, perdi minha mãe, ela teve câncer durante 4 anos, morreu com 45 anos. Eu tinha 22, meu irmão com 21 e criei duas irmãs de 9 e 10 anos. Quatro órfãos.Tivemos madrasta, foi horrivel. Papai arrumou uma com mais 4 filhos. ficamos em 10 dentro de casa. era só porradeiro. Perdi o amor da minha vida. Se casou com outra. Casei com 28 anos, tive duas filhas e vivi 25 anos de pesadelo. Larguei marido, moro sozinha graças a Deus. Trabalho, mas ultimaente estou encostada. Fraca, cansada, perdendo os cabelos, perdi o libido. perdi a vontade de passear,só vou a igreja. Goatava de pescar. Agora sinto pena dos peixes, pena das formigas, quando coloco veneno, pena de boi , galinha, para eu almoçar é horrível, pois fico lembrando dos animais. Penso na morte da Amazônia, das geleiras, do sofrimento dos idodos, jovens e bebês. Tem dia que falo demais, outro dia não quero conversa. Não tenho lágrimas para chorar com nada. Só tenho medo, mas não sei de que. durmo sentada, pois sei que se eu deitar vou passar mal.Eu era alegre jogava até futebol. hoje não goto nem de sorri. Estou sendo acompanhada por PSICÓLOGO, PSIQUIATRA, NEUROLOGISTA, CARDIOLOGISTA E ORTOPEDISTA. Tomo 12 comprimidos ao dia, e vivo tendo as crises. Mas a dor no peito é muito forte, minha cabeça vira um tornado, tenho medo eté de tsunami, sendo que ela nunca atingiu o brasil.
    Minhas pesquisas não só essas que falam de síndrome, hipertensão, etc..
    Fala sério. vivo agarrada com Deus para ser liberta. Sou católica praticante graças a Deus. NÓS VAMOS SAIR DESTA. DEUS É AMOR. Beijossssssssssss

  41. maria alcides

    Maria da Penha,tudo bem?
    Li seu depoimento e fiquei muito triste,pois ja passei or isso.
    A solução deste problema é voçe caminhar todos os dias, pela praia e pedir a santo expedito muita força. Voçe vai ser curada. Não desista. Pois não nascemos com esse problema.
    Naõ esqueça,Deus sofreu,e resistiu,e nós temos que resistire ser bem forte.
    BEJJOS DE .

  42. sabrina

    Ola quem quiser conversar a respeito de sindrome do panico me adicionem pois tambem ja passei por isso hj em dia posso dizer que ja me sinto muito melhor ..meu email sabrune2009@hotmail.com
    abraços sabrina

  43. sandra

    OI!Meu nome e sandra,omeupsiqiatra me diagnosticoucom ; TRANSTORNO DA ANSIEDADE GENERALIZADA.Nunca senti um mal estar tão ruim;prefiro sentir dor muscular ou até mesmo dor de dente.Eu nunca sei como , eu vou estar no outro dia.Comecei a sentir isso faz 4 anos hoje estou com 44 anos.Tomo venlafaxina 75mg. de manhã,é a noite tomo aprazolam 0,5mg.Bom eu me sinto mais ou menos,tem dias que estou bem outros não. Me SINTO CANSADA E DESANIMADA,ÁS VEZES NÃO SINTO VONTADE DE NADA ,ME SINTO INÚTIL.SINTO QUE PRECISO DE AJUDA.GOSTARIA DE CONVERSAR COM PESSOAS QUE TEM A MINHA DOENÇA,CREIO QUE VAI SER MAIS FACIL .PORQUE AS PESSOAS QUE NAO TEM O PROBLEMA NÃO ENTENDE.MSN;SANDRASANTOS10@TERRA.COM.BR

  44. Adriana

    Olá! Estive lendo os comentários de vocês e me identifiquei com muitos deles. Sempre fui muito ansiosa e nos meus picos de ansiedade, era capaz de ficar muito tempo sem comer nada, comendo apenas o necessário para não ficar fraca – e olha que eu adoro comer. Os últimos 2 anos foram muito desgastantes para mim: perda de muitas pessoas queridas, problemas sérios no trabalho, estou tentando engravidar e não consigo… Acontece que de um mês para cá (período em que consegui mudar de trabalho) venho sentido estas pontadas no peito que oscilam de uma lateral a outra – como se fossem gases. Porém ontem a minha ansiedade disparou, fiquei agoniada no metrô e até mesmo tomando banho quente, pois me senti meio sufocada com todo aquele vapor. Tive medo de dormir e não acordar, ficava andando de um lado para o outro da casa pois sentia uma inquietação muito grande. Como se precisasse gastar aquela energia para parar de sentir o que estava sentindo… Não conseguia comer nada… É desesperador. Será que estou começando a desenvolver pânico?

  45. andre

    minha mãe tem aceleraçao no coraçao todos os dias depois do almoço que sera que e isso obrigado.

  46. Ione

    Olá! Neste instante estou sentindo-me muito mal e então eu venho para o computador para ler as mensagens para tentar me acalmar. Desde novembro de 2009 estou passando por situações muito difíceis por cauda das sensações que sinto. Meu Deus, o medo de morrer a qualquer instante é terrível. Meu peito dói muito, meu coração acelera e o que mais me apavora é que a minha pressão sobe e eu entro em pânico com medo de morrer por causa da pressão. Já passei com 5 cardiologistas e me pediram exames e, graças a Deus, não tenho nenhum problema, mas eu cismo com a pressão. Sinto ela subindo, uma dor no peito, arrepio, meu pescoço dói muito do lado esquerdo e eu fico alheia ao ambiente ao meu redor. Eu choro muito e só penso em ir para o médico, mas penso no meu marido, mas nem sempre ele já está em casa para me acompanhar, pois ele trabalha em Jundiaí e viaja muito. Então já fui ao médico com minha irmã, mas eu me sinto mais segura com ele. Agora mesmo estou sentindo dor no peito do lado esquerdo, dor de cabeça, dor no pescoço e morrendo de medo da minha pressão estar subindo. Meu Deus, como é ruim. À s vezes penso, e se eu tiver realmente algum problema? Estou fazendo terapia, mas sobre isso que estou passando, não estou vendo muito resultado. Uma das cardiologistas que me atendeu, me receitou Pasalix, que é fitoterápico. Tomei por uns dias parei. Passei com a ginecologista para fazer exames de rotina e conversando com ela, ela pediu para que eu continuasse a tomar. Nenhum médico me disse claramente que o que eu tenho seja síndrome do pânico. As cadiologistas que disseram que provavelmente seria algo relacionado a transtorno da ansiedade, e uma falou em síndrome do pânico, mas pediu para que eu procurasse um psiquiatra. Mas fico na dúvida, será que o que eu sinto é síndrome do pânico? Será que tenho problema de pressão? Tudo começou um dia após um apagão que atingiu São Paulo. Eu estava sozinha com as crianças, pois meu marido viaja, e eu fiquei bastante agitada apesar de já estar acostumada pois ele sempre viajou. No outro dia ao sair do dentista, senti que minha mão esquerda estava tremendo. Tomei banho e ao sair do banheiro senti um mal estar terrível, medo louco de desmaiar. Estava ainda sozinha com minhas duas filhinhas e o medo aumentava cada vez mais. Liguei para meu irmão, e minha cunhada me levou para o hospital. Minha pressão estava alta, pela primeira vez. Passei com a cardiologista, ela pediu um eletro e não deu nada. Tomei um remédio para abaixar a pressão e fui dispensada. A médica pediu para eu procurar um cardiologista e no dia seguinte eu passei com um. Ele me pediu vários exames, inclusive o mapa, que fica medindo a pressão de tempo em tempo. Todos os exames tiveram resultados normais, graças a Deus. O mapa não registrou a quantidade necessária para se avaliar, mas eu estava medindo a pressão regularmente ela estava boa, então ele não pediu para repetir o mapa e me liberou para fazer exercícios físicos e pediu que eu perdesse quilo. Daí em diante minha vida passou a girar em torno do termo “pressão alta”, infarto, derrame… Meu Deus, como eu sofro com tudo isso. Neste momento, estou pronta para ir ao médico. Troquei de roupa pois senti uma agitação no pescoço, meu coração disparou, senti uma espécie de tontura. Corri, tomei banho, troquei de roupa e já ia ligar para minha irmã vir me buscar para irmos ao médico. Meu marido trabalha em Jundiaí e vai ter curso hoje, então vai chegar tarde. Acho muito ruim ficar sem ele, fico insegura demais. Talvez eu não vá mais ao médico, mas continuo com dor no pescoço e eu cismo que é na veia do coração. Sempre tive dor de cabeça, mas agora se eu tenho, cismo que é a pressão que está subindo e eu não tenho coragem de medir. Esses dias medi na casa da minha mãe mas fiquei muito agitada antes de medir, e estava 16 por 10. Fiquei mais deseperada. Vou parar, minha cabeça dói muito, mas acho que estou melhor depois que escrevi. MUITO OBRIGADA À VOCÊ QUE PAROU PARA LER MEU RELATO E QUE DEUS ABENÇOE SUA VIDA RICAMENTE.
    BEIJO ENORME.
    IONE.

    • Aguilea

      Ione…..confie em Deus tudo vai dar certo,estou passando por isso,medo ,apreensão,aceleração do coração,foi parar na emergencia com minha pressão 16×11,o Samu mim levou,chegando lá minha pressão estava 12×9,o medico pediu um ECG e não DEU nada ,mim deu um calmante e logo melhorei ai ele mim disse
      que eu precisava de ajuda psicologica,que foi uma crise emocional,ansiedade.Hoje sinto medo do futuro,de morrer,de ter um infarto….Mas Creio no meu bom DEUS que tudo isso vai passar nas nossas vidas,Vou procurar um psiquiatra e oro a DEUSque ele mim direcione em um bom profissional.
      Força,fé…..tudo vai dar certo…..DEUS nos ama!!!!

    • Thiago THalisson

      Ione….. qq Deus te abençoi…. isso tudo tou passando… tudo é anciedade. Bjs Thiago…

    • Maria Castro

      Estava aqui na internet procurando algumas informações sobre efeitos colaterais de remédios contra síndrome do pânico, estou tomando Apraz 0,5 mg que o meu cardiologista receitou, é um início de síndrome do pânico e é muito bom saber que é isso, pq agente acha que pode ser tanta coisa, que estamos tendo um infarto, avc, os sintomas são reais e só nós que passamos é que sabemos que estamos realmente tendo aquele surto, faço terapia e descobri que temos uma predestinação a termos esses sintomas durante de grande tensão emocional, perda de entes queridos, quando nos demos conta que somos seres mortais, vamos morrer, não somos eternos nessa terra, mas a terapia juntamente com o remédio nos ajuda a nos entendermos emocionalmente. O remédio diminuiu muito minha ansiedade por outro lado tive efeito colateral de forte cólicas intestinais e diarréia , mas vou voltar no médico e informar a ele, e sugiro a todos vcs procurem buscar em Deus a força que precisam, porque Ele é o Pai Eterno que nos criou e habita dentro de cada um de vcs, entregues seus medos, ansiedades à Ele. Jesus nos diz o seguinte ” Lançai sobre mim as vossas ansiedades que Eu vos aliviarei” É promessa de Deus para sua vida, busque ter intimidade com esse Deus que tanto te ama!!!
      Isso não quer dizer que não devemos buscar ajuda dos médicos para nos ajudar. Dores emocionais, perdas de entes queridos, traumas, separações todos os seres humanos irão passar, faz parte da nossa jornada aqui na terra, e vamos todos um dia partir, mas antes disso acontecer e não é ainda para nenhum de nós, pois vivemos uma síndrome de uma coisa que não vai acontecer, pelo menos nesse momento que estamos nessa ansiedade, mas temos que buscar ajuda primeiramente de Deus, e depois encontrem o profissional adequado e competente que possa ajudá-los. É muito bom saber que não acontece só com você esses sintomas, vc não está sozinha nesse mundo tão grande e cheio de pessoas, o que nos fortalece é essa ajuda mútua que nos damos uns aos outros, isso galera se chama amor.

  47. Marcelo

    Boa (dia,tarde,noite) a todos. Tenho 38 anos, sou Dentista,casado com uma médica e temos uma filha De 3 anos saudavel e brincalhona. Sou Alegre, simpático e comunicativo. Há cerca de tres meses fui parar na emergência coronariana com fortes dores no peito e pressao de 17×10. Fiquei dois dias internado e nada foi diagnosticado. Apos essa crise tive uma outra na qual todos os exames deram ok. Fui ao cardiologista que me receitou um betabloqueador e disse que logo logo essa medicação iria ser retirada. As crises continuaram até que marquei uma consulta com uma psiquiatra a qual me receitou ansiolítico associado a antidepressivo. Tenho melhorado bastante porém tive que brigar com minha filhinha e logo após meu coração disparou. Fiquei com os batimentos alterando entre 120 e 150 por mais ou menos uma hora e meia. Só diminuiram apos o uso de ansiolítico sublingual. Tive a perda de um tio que me causou muita tristeza e logo após me Pai teve um tumor que só se descobriu que era benigno apos a cirurgia. Tudo isso contribuiu para os meus sintomas. No começo eram dores no peito e pressao alta apos isso ondas De calor no peito e na cabeça, suor Frio na cabeça. Achei que estava ficando maluco. As pessoas de fora nao entendem eles nao sabem o que vc esta passando. Minhas crises só acontecem quando estou sozinho. Quando estou trabalhando nao sinto nada. Apenas quando esta chegando a hora de ir embora. Esta dificil ver assim. Tenho esperanças que isso um dia acabe.

  48. Davi

    Oi pessoal, saudações!

    Meu nome é Davi. Em Agosto de 2010 tive fortes, intensas crises de ansiedade… Senti 5 ondas de ansiedade, onde vieram sobre meu corpo aquelas descargas ADRENÉRGICAS de você ficar todo arrepiado… Não gosto nem de me lembrar!!!

    De lá pra cá vários sintomas surgiram em mim: SUDORESE, DIARRÉIA, TAQUICARDIA, NÁUSEA, DOR DE CABEÇA, DORMÊNCIA NOS DEDOS DO PÉ ESQUERDO, INSÔNIA, ETC…

    Fui numa cardiologista que receitou-me FLUOXETINA 20MG. Tomei uma caixa e procurei um psiquiatra. O psiquiatra me passou DONAREN RETARD 150MG. Estou tomando há 1 mês e 10 dias, e tomo junto RIVOTRIL 0,25MG, e ANGIPRESS 25MG pra controle da pressão arterial.

    Estou fazendo tratamento também com uma psicóloga. Desenvolvi uma EXTRA-SÍSTOLE no coração tão somente motivada pela ANSIEDADE. O cardiologista me disse pra eu não me preocupar, pois isto não é GRAVE e passará quando eu menos imaginar… Estou com muita fé em Deus que ficarei curado!

    A psiquiatra diagnosticou meu caso sendo: TRANSTORNO DE ANSIEDADE com um pouquinho de DEPRESSÃO.

    Tenho um medo latente de morrer, de ter uma doença grave, de ir para o inferno, etc…

    Hoje em termos de sintomas estou sentindo 3 coisas:

    1) EXTRA-SÍSTOLE no coração.
    2) Diarréia.
    3) Ondas de calor pelo corpo.

    Mas tenho a certeza que tudo vai passar!

    Li na internet que geralmente um TRANSTORNO DE ANSIEDADE dura em média 6 meses. Então, estou desde Agosto com este problema… Creio que no início de 2011 estarei curado, 100% novamente.

    Nunca imaginei que passaria por isto! É muito desagradável, muito triste… Mas graças a Deus tem CURA! E também isto não mata ninguém.

    Segundo a psiquiatra me orientou… Houve em meu cérebro uma redução brusca da SEROTONINA e um aumento exacerbado da ADRENALINA. Então, a medicação se encarregará de fazer novamente a regulação na neuroquímica do meu cérebro. Mas isto leva algum tempinho!

    Graças a Deus que eu não tive a SÍNDROME DO PÂNICO, pois ela é bem pior.

    Quando adolescente tive um TRANSTORNO DE ANSIEDADE mais leve do que o transtorno que tive desta vez… Só que na época eu desconhecia o problema… E consegui sem nenhum tipo de medicamento ficar curado, ficar bom.

    A minha vida está nas mãos de Deus! Eu rejeito este problema pra minha vida, e tenho fé no Senhor que ele me dará a VITÓRIA ABSOLUTA!

    Busque a Deus, faça o tratamento… E CERTAMENTE VOCÊ TAMBÉM FICARÁ CURADO, ASSIM COMO EU CREIO QUE DEUS ME CURARÁ!

    Abraços pra todos!

  49. Suellen

    OLá pessoal ,
    faz 2 anos que venho sofrendo com essa maldita doença, n sei mais oq faço, até procurei igreja , venho sentindo um desconforto énorme no esofago , o medico disse q era gastrite , por varias vezes tinha ataques dentro d casa , pensava q iria morrer d fauta d ar, coraçao acelerado, n conseguia durmir , era um horror , corria pros prontos socorros, chegava lá so dava q q minha pressao tava normal, os medicos falavam q era ansiedade e mandava eu procurar um pisquiatra, nunca fui , mais to com muita vontade dir , pq eu n aguento mais esses desconfortos , em todo lugar qeu vou eu me sinto mal, fiko andando na rua penso q vou ter um ataque cardiaco e q vou cair sei lá, é uma coisa extranha , minhas pernas começa a keimar, sinto pontadas nos dedos da mao as vezes na palma da mao , no peito, no braço , eu fiko apavorada com medo d morrer , tenho uma filha d6 meses, n consigo carregar ela muito tempo no colo , me dar muita fauta d ar por causa desse desconforto no estomago , ai mistura td nossa eu fiko muito mal , n gosto d falar nd pa ninguem , pq eles falam qé coisa da minha cabeça, fiz uma endoscopia normal , n deu nd , to fikando maluca eu preciso d ajuda se n eu vou enlokecer d vez, será q alguem pode me ajudar! fiko lendo esses sites , td q eu vejo , os sintomas q eu sinto sao d sindrome do panico, mais eu sinto q tem algo errado no meu estomago, parece q o ar volta pra minha boca , li sobre isso é um tipo d gastrite, ai mistura com essas minhas loucuras so Deus na minha vida, e tenho uma filha, tah sendo mo barra, alguem pode me ajudar me dar uma opniao do q eu posso fazer grata !!!

  50. Vaninha

    Meu nome é Ivani, tenho 35 anos e sofri muito com síndrome do pânico, ansiedade e depressão, porque um puxa o outro, mesmo que a gente não queira. Me apego muito a Deus e procuro sempre mentalizar coisas boas. Não tenho tido crises mas tenho medo constante da pressão subir, pois farei uma cirurgia de vesícula e não posso estar hipertensa. Desejo a todos melhoras e que Deus esteja com vcs sempre, principalmente qdo vierem as crises!

  51. sheila

    é realmente 1 sofrimento muito grande eu nunca havia entrado em um site assim gostei de 1 certa forma te da um alívio ver pessoas com prolemas parecidos com os seus vc não fica ai achando q é totoca vou amanhã na psiquiatra não sei se conto pra ela q estou assim denovo tenho medo de ela me passar um monte de remédio detesto remédio é só eu tomar 1 simples novalgina e começo a empanicar não gosto se eu pudese ñ tomaria nenhum tenho medo de arar minha vida por conta disso + tenho q ser forte to pensando em ir sozinha no consultório amanhã se eu pasar mau tudo bem depis passa a se lá to confusa

  52. hugo

    oi galera a cerca de 1 ano tive crise de panico e enfrento esta doenca hj com mais tranquilidade, gostaria de ter contato com pessoas que tiveram ou tem este mal, me add no msn hugo.fep@hotmail.com

  53. Olá, gente eu estou neste mesmo barco á maias ou menos uns cinco anos, tenho alta depois volta tudo, tenho uma baixa estima terrivel, sem falar na ansiedade que me persegue, é muito bom encontrar um site que difunde isto pois ainda é muito complicado as pessoas admitirem que tem, pois tem pessoas que escondem de todos com muita vergonha que as pessoas irão pensar que a pessoa é lele. sou formada em direito e me desarma toda quando o bicho pega.kkkkkk é complicado.bjs, p/ todos que sofrem desta doidera.
    Elí

  54. ane

    Oi pessoal!
    Eu tenho ansiedade extrema, não tenho pânico, mas tenho medo de morrer, passo os meus dias tranquilos, mas de noite demoro um pouco a dormir, tenho insonia seguido. Trato isso a 2 anos, tomo BUPROPRIONA e lioran para dormir, hj me sinto muito melhor, mas vou dar a dica, a pior coisa que podemos fazer é deixar de fazer tudo que gostamos, por mais que não tenha vontade, faça, pois aos poucos vc passa por cima de td, hj estou muito melhor, as vezes dou umas caídas , mas logo levanto novamente..
    A dica é : VIVAM A VIDA, TIREM AS COISAS RUINS DA CABEÇA FAZENDO COISAS BOAS E PROCUREM FAZER O QUE GOSTAVAM ANTES DE TD ISSO ACONTECER.
    PEÇAM A AJUDA de Deus.
    BOA SORTE A TODOS

  55. Denise Mendes

    ola pessoal meu caso é um pouco diferente do de vocÊs pois eu tenho crises de ´´Meu deus nada vai dar certo´´,tenho taqui cardia uma vez ao mês,tinha medo de passar mal as vezes na rua.mas esse já superei.só que o que me intriga é que nunca deixei de fazer nada do que eu queria por causa desse problema,eu saio(amo ir a festas) ,danço,namoro,estudo e amo viver freneticamente minha vida,mas as vezes tenho essas crises,mas são internas sabe.ou seja, se vc me ver acha que nada esta acontecendo sabe e são rápidas tbm coisa de 2h ou as vezes passo um mês bem.vou começar a fazer os tratamentos agora pq gostei muito desse blog espero que dê tudo certo.Aguardo a resposta de vcs pra eu saber o que vcs acham.

  56. danny

    estou tomando paroxetina e estou me sentindo muito mau o que eu faco…

  57. CaRol

    Tomo a venlafaxina a 2 anos para Crise de Pânico, no começo foi uma maravilha, milagroso, hj em dia me sinto meio que com depressão, estou sempre desanimada, nao tenho vontade de sair da cama e nem de fazer nada…sempre estou cansada sem fazer nada, sem contar que vire-mexe tenho mal-estar físico. Gostaria de saber se alguém mais já passou por isso com a venlafaxina, ou se isso nao tem relaçao com o medicamento….espero mto algum retorno, meu email carolinagallucci@gmail.com

  58. Aline lopes

    Ola pessoal tambem sofro com esse mal, ja tive essa merda de doenca de sindrome do panico a alguns anos, acho q esta voltando é muito ruim, todos falam vc prescisa se controlar ,mais e muito dificil estou finalizando o tratamento com cardioligista logo vou procurar novamente um psquiatra mais nao podemos perder a fé quanto mais encanos é pior bj bj

  59. celso

    Olá pessoal tenho 42 anos e desde os 16 sinto tudo q vcs não me lembro o dia de não pensar que estou tendo algo q vai me matar, bom acho q estou morrendo todos os dias, tomei remédios controlados por 2 anos e terapia por 7 tive alta com 32 anos consegui me livrar de alguns medos ou encarar alguns tipo passar em tunel, voar avião mas de um tempo pra ca comecei a beber demais bebida como remédio até quando tive uma crise de pânico pela manhã e bebi muito não consegui ir trabalhar e assim o pavor toma conta de mim mais uma vez neste momento estou digitando e com uma bolar de ar no estomago e um pouco de falta de ar só não estou em pânico pq a 10 dias estive no meu cardiologista e ele me prescreveu Frontal estou com uma sensação estranha sinto que estou desesperado mas as emoções não aparecem, bom gente gostaria de digitar algo que ajudasse mas não consigo tenham fé somos maiores que todas essas emoções.

    Abraços a todos
    Celso

  60. boa tarde,fui diagnostica com sindrome do panico a dois meses e tomo reconter 10 e Rivotril 0,25 comprimido quando eu tenho crise, meus sintomas mais comuns eram a mão dormente e formigando,falta de ar e dor no peito eu fui a todos os medicos e não foi encontrado nada fisiologico,agora o que estou sentindo varias vezes na semana é um grande mal estar que dura cerca de 10 min uns calafrios parece que a pressão está caindo ou aumentando é normal?

  61. Juliana Campos

    Ola Rosangela! Eu comecei a tomar Reconter essa semana, entao nao sei te dizer se isso eh normal ( tomara que nao ), mas me disseram que esses calafrios podem ser presenca de energia negativa, tentando sugar sunergia. Nao sei pq sou leiga no assunto. Mas seria bom você tomar os remedios com acompanhamento psicologico ( terapia cognitivo comportamental ), meditacao e feh em Deus ( siga a religiao que seu coracao mandar… ). Contatods com a natureza e pessoas queridas também sao mto bem vindos!!! Bjs e boa sorte!!!

  62. Marlucie Emily

    Olá pessoal! Espero que estejam bem. Tenho 21 anos e há dois anos tenho transtornos de ansiedade e já tive grandes ataques de panico. No inicio foi horrível, pois por não saber de que se tratava a cada consulta e resultado de exame era um sofrimento pq sempre não dava nada e eu ficava desesperada. Eu vivia indo para hospitais. Os médicos já me conheciam. Ficar dentro do hospital era ótimo, me deixava protegida, pq se passasse mal já estava perto dos médicos rsrs. Não ia para a universidade sozinha. Trabalhava em uma escola muito longe e tinha que pegar ônibus. Passava mal dentro do coletivo, mas ninguém percebia, pois aguentava o mal estar. Mas quando estava em casa sempre dava alarme, gritava, chorava muito, até me levarem para o hospital.
    Sempre fui uma pessoa nervosa, apressada, querendo ser perfeccionista e mandona. Qualquer briga de família e de amigos eu me desesperava, medo de pessoas mortas, tudo me deixava nervosa. Confesso que esse meu histórico contribuiu para os transtornos. Em contrapartida sempre fui uma menina, divertida e brincalhona, porém muito exagerada.

    Depois que consultei com o psicologo e depois psiquiatra, que me passou um remédio o qual nunca tomei, descobri que tinha transtornos de ansiedade. E aí minha vida começou a mudar, o que precisava era saber do problema.

    Hoje convivo o esse problema, tento controlar. Não vou parar de viver por causa dele. Sou muito feliz, ao lado da minha família, amigos e do meu noivo que sempre me apoiou e que sabe do meu problema.Às vezes quando me estresso, brigo, me sinto ameaçada, os ataques voltam, hoje não choro mais, nem exijo que me levem ao hospital tento abstrair e fico quieta até ir embora, o ruim é quando sinto falta de ar rsrsrs que penso que vou morrer,mas sei bem lá no fundo que isso vai passar e quando passa sou uma nova pessoa, não fico deprimida e nem reclamo pq tenho esse problema, VIVO. Me amo e amo quem merece do meu amor. AGRADEÇO A DEUS POR TUDOOO. AMOO A MINHA VIDA. NAO TENHO O PQ DE FICAR TRISTE E DEPREMIDA POR CAUSA DESSE PROBLEMA. ELE É TÃO PEQUENOO PERTO DA VIDA QUE TENHO PELA FRENTE.

    CONVIVA COM SEU PROBLEMA E VIVA FELIZ E LEMBRE-SE DE QUE NINGUÉM É PERFEITO!!!!

    PS: ÀS VEZES RIU QUANDO TENHO ATAQUES E ME XINGO – AHH! FALA SÉRIO MARLUCIE CRISEE AGORA NÃO RSRSRS.

  63. kah

    Oi ,tenho 14 anos de idade e nesses ultimos dias meu peito direito tem doido muito ,mas é uma dor insuportavel que eu não consigo dormir e é bem no bico do peito e eu estava relando no meu peito e senti uma bolinha minuscula mas não sei o que eu faço.

    • Marilu D'Alessio

      Kah, se sua postagem for séria, fale com quem é responsável por voce e consulte um ginecologista

  64. Marilu D'Alessio

    tive a sindrome em 1981, após a morte de meu pai. só anos depois , lendo uma revista descobri que o havia tido ,era essa síndrome. lá estavam todos os sintomas .
    Na época, minha sogra queria me internar em uma clinica psiquiátrica como “louca” porque eu só chorava, não dormia no escuro (sufocava) cheguei até a ter mãos e lábios retorcidos como numa paralisia facial.
    Minha mãe veio morar comigo e eu dormia segurando a mão dela. sofri por 2 anos, sem parar de trabalhar… como não haviam remédios específicos, eu tomava um remedio para dormir e fazia inalação. consegui me curar brigando comigo mesma,, “vc já sentiu tudo isso e não morreu nem enlouqueceu, então deixa de ser idiota, respira fundo e se acalma” até hoje se começo a sentir o pavor chegando uso essa tática. para mim tem funcionado. espero ter ajudado.

    • C. Abreu

      ““vc já sentiu tudo isso e não morreu nem enlouqueceu, então deixa de ser idiota, respira fundo e se acalma” até hoje se começo a sentir o pavor chegando uso essa tática. para mim tem funcionado. espero ter ajudado.”

      Vivendo e aprendendo. Uso a mesma tatica, e como funciona…

  65. Patricia

    Em fevereiro de 2012 tive a primeira crise achei que fosse morrer, estava sozinha em casa e fui dirigindo até o hospital sem saber o que era…foi aí que o médico diagnosticou Sindrome do Pânico. Desde então já percorri todas as especialidades médicas, fiz 2 ecocardiograma, 15 eletrocardiograma, tomografia, perdi as contas de exames de sangue, RX de tórax…enfim…

    Tomei Fluoxetina, Rivotril, Lexapro e todos me fizeram muito mal…

    Próximo mês completo 1 ano desse mal e não consegui nem controla-lo estou com muito medo, porque no inicio eu tinha um calafrio no estomago seguido de taquicardia e falta de ar. Mais agora tenho naúseas, dor no peito, taquicardia (tenho prolapso), meu braço fica dormente, arde minha garganta e ninguém acredita mais em mim.

    Tenho pedido ajuda de Deus, porque acho que a qualquer hora vou morrer.

    Estou cansada de passar mal…

    • claudiana

      Patricia Nossa ou eu não sei o que é isso porque os sintomas são muitos e são reais ,tanto que eu chegou com taquicardia alta,mas no final n da em nada os exames ,hoje de tanto estresse tenho uma extra istoles e gastrite ,mas ainda as crises vive voltando,lugar lotado,fechado,aff eu n posso nem entrar
      tanto que nem faço viajens longas meu msn claudianamg26@hotmail.com

    • C. Abreu

      kkkkkkkkkkkkkk, to rindo pq ja passei tanto por isso.
      cada dia era um problema fisico novo.
      tens a fazer eh pensar no teu bem estar, nas coisas que realmente te fazem bem, e se afastar das ruins.

      Supervalorizamos nossas idiotices…

      Quando começo a ter essas crises e estou sozinho obbviamente, eu começo a gritar comigo mesmo: vem doença dos infernos, acaba comigo de uma vez entao. 1 min passa e tudo volta ao normal. agora se me encolho, la se vao 20min da minha preciosa vida.

    • marina guimarães

      OLá querida, li o seu relato e parece que sou eu que estou narrando a minha história! muito parecida….Tb estou completando um ano dessa triste vida! Hoje mesmo senti um mal estar horrivel com naúseas, que vem com taquicardia e nem agua consigo tomar.Aí tomo um rivotril e pareçe que fico um pouco melhor. Tenho me agarrado muito a Deus, penso muito no medo da morte tb.Minha garganta tb arde e além do prolapso desenvolvi junto da sindorme uma arritmia que minha médica diz que está tão intensa devido ao meu quadro do panico. Neste site a gente le e escreve e sabe que as pessoas EStÃO ENTENDENDO A GENTE….JÁ É UM ALIVIO. QUE DEUS NOS ABENÇOE E
      SE PRECISAR conte comigo!

      • lilia cardoso

        Mariana eu tenho crises de pânico desde 2008, já tomei aprazolan , não deu certo, passei a tomar rivotril com fluoxetina , melhorei bastante , até emagreci , depois denove meses deixei pr conta propria o fluoxetina. Ate hoje tomo rivotril ,já fique 3 meses sem tomar , e falei pra mim mesno ESTOU CURADA mentira voltei pior doque anes , eu acho que munca vou deixa de tomar esse remedio .

  66. Romerson

    Boa noite, comigo aconteceu a 1 ano atrás, fui tomar uma ducha antes de ir para a piscina, quando sai da ducha comecei a ficar tonto, com a visão escura e começar a sentir frio e falta de ar. De la pra cá parace que minha vida acabou. Sinto constante falta de ar, enjoo, angustia, aperto no peito… se estou em um ambiente com muitas pessoas ou em lugar fechado fico doido… as vezes perco a vontade de viver… tenho vergonha de procurar um psiquiatra, mas mantenho minha fé em Deus e vou criar coragem para procurar um especialista. Gostaria de conversar com pessoas com os mesmo sintomas que eu. Fiquem com Deus.

    • claudiana

      Romerson boa noite !!!! meu msn claudianamg26@hotmail.com eu senti a mesma coisas em 2010 e pior ,eu passei a ter ,gastrite e extrassistoles com isso. Incrivel eu n tinha medo de nada ,e nunca fui muito de preucupar com doenças ,mas hoje n consigo pegar um avião sem sem medo. aff tantas coisas

  67. Eu tenho depressão, e tomo ketiapina, donaren e sertralina.
    Apesar do tratamento, estou muito mal.
    Entro em pânico no meu emprego, não tenho vontade de por os pés na empresa.
    Será que consigo afastamento pelo INSS?.
    Você pode me responder?
    Desde já agradeço.
    Marisa

    • C. Abreu

      Marisa, boa noite.

      Quais as tuas insatisfaçoes no emprego. Eu nao gosto do meu, apesar de amar o que faço, porem nao deixo isso me consumir. Tuas crises ocorrem somente por causa do emprego?

      Ja pensaste em rumar a outro norte?

      Abs

  68. Vicente

    vim aqui por que estou desesperado foi assim um dia eu estava indo para o curso de WEB DESIGN quando um pastor me chamou e começou a conversar comigo foi quando ele falou asssim se voce vier nois te batizaremos e ai voce morre aqui quando ele falou isso eu começei a tremer e foi ao local do curso e pedi pra mudar o dia ai corri pra casa quase chorando e até hoje estou com essa merda encravada na cabeça e não consigo parar de pensar se agluem puder me ajudar eu agradeçeria muito

    se alguem puder me ajudar manda email pra mim ou responde esse topico
    vicente0500@hotmail.com

    • C. Abreu

      Volta la e fala com o mesmo pastor. Encare o teu medo/fobia.

      Converse com ele, tire suas duvidas e perceberas que ele quer eh o teu $$.

      Apos isso vais se sentir aliviado e ao mesmo tempo bobo, por acreditat tanto tempo em alguem que soh queria o te dinheiro.

      Abs

  69. Cristiano Henrique dos Santos

    Oi Pessoal, meu nome é Cristiano, na verdade eu tenho Síndrome do Pânico e Transtorno de Ansiedade, os sintomas que tenho vivido hoje e quando aconteceu são: Dor no meio do peito, dor na lateral do peito esquerda ou direita, dor nos braços, nas pernas, nos dedos, dormensas constante na mãos, pé, perna, couro cabeludo, braço, rigidez dos musculos, as vezes quando estou em crise parece que eu vou morrer, meu coração ele começa a dispara de forma que eu não consigo controlar, começo a sentir cala frio quente ou frio, as vezes sinto falta de ar, vontade desmaiar, fico numa tristeza que dá vontade de ficar só deitado, não tenho vontade de sair, de fazer nada, tenho constante mudança de humor, já fiz todos tipos de exames que voces podem imaginar, hoje faço uso de 2 medicamentos um e clonazepam 2 ml e citalopram de 30 ml, tudo começou com um problema de saude, e depois de muito tempo tinha controlado, e veio a volta novamente mais agressiva com a minha separação com minha namorada de 4 anos que comecei a ter uma crise atras da outra, depois veio a morte da minha cachorrinha veio mais um crise mesmo tomando os remedio, depois veio a perca do emprego e infelizmente não tenho apoio da minha familia, eles acham que tenho são chiliques, mais ultimamente não tenho amino mais pra nada só chorar, pelos cantos e tristeza tomando conta, hoje foi diagnosticado mais um problema tristeza profunda que parece que mundo vai cair sobre mim, enho vontade de pedir ajudar a qualquer pessoa pra mim internar as vezes acho que estou louco, tomara que com você poderia ter um ajuda e esclarecer meus problemas (31)98871921

    • C. Abreu

      Cristiano, tudo bem?

      Meu velho, vou te dar um exemplo: humildemente EU.

      Aos 24 anos apos um acidente de carro (1 mes hospitalizado) minha vida mudou. Perdi emprego e quase a esposa pois ambos desconheciamos a doença.
      Foram crises e crises ate eu perceber que a sindrome eh uma introspecção aguda dos teus medos. Sabe como tu luta contra isso? Aprendi QUE NAO lutando e sempre tendo fé (nao tenho religiao, mas sim religiosidade).

      Um medico vai te auxiliar, mas a primeira coisa que tens a fazer eh pensar no teu bem estar, nas coisas que realmente te fazem bem, e se afastar das ruins.

      Tenho crises ainda, se consigo segurar otimo, do contrario dane-se, vou la e tomo um rivotril. As mesmas pessoas que criticam a nossa “loucura”, sao as mesmas que enchem a cara de cerveja. Entendeu?

      Ignora! Soh tu e somente tu sabe o que passa contigo e TU eh a pessoa mais importante do universo para si mesmo.

      DANE-SE O QUE OS OUTROS PENSAM SOBRE TI!

      • C. Abreu

        Na minha opiniao eu mudaria tb para a sertralina 100mg, POREM NNNNNNNNNNAAAAAAAAAOOOOOOOOOO COMPRE GENERICO. Ela deixa a pessoa mais agitada. Eh um otimo remedio.

        Abs

  70. Lia

    O que pode ser? Uma dor no peito tipo adrenalina misturada com medo, e muito medo de senti-la mais forte sensação de que já aconteceu aquele momento, pensamentos confusos. Eu quero que pare !

    • Nah

      Lia, você conseguiu alguma resposta para o q está sentindo??? Pois recentemente venho sentindo os mesmos sintomas. To com muito medo. A noite tbm acordo com mto calor e suando bastante! Aguardo sua resposta!

  71. Janny

    Oiie gnte ! Gostaria qe vcs me ajudacer 🙁 , Ja tem uns 3 meses er pouco qe venho sofrendoo cm a Sindrome do Panico….sintoo muitoo medo de moorreer , tenhoo mta faltar de ar etc…me ajudar

    • C. Abreu

      Qual a evidencia que tu vai morrer? Morrer todos nos vamos e ISSO NAO ESTA NO TEU CONTROLE REMOTO, OU SEJA, NAO TENS PODER SOBRE ISSO.

      Vai sair com as tuas amigas, se for para pensar em morrer que seja numa pista de dança, rindo e se divertindo.

  72. Jaqueline

    Estou tomando paroxetina há 4 dias porem estou tendo dores de cabeça ,gostaria de saber se é normal .

  73. Boa tarde! Trato de depressão e ansiedade a 7 anos. As crises vão e voltam. Ultimamente ando sentindo dores no peito (perto do coração) tonturas, mãos suadas, dores no pescoço e gases. Tenho dores forte nas costas do lado esquerdo. Parece fisgadas. Meu coração tem hora que bate forte, outra fraco. Tbem dores debaixo das axilas. Estou tomando o rivotril mas pouco ta adiantando. Já tomei mais de 10 medicamentos diferentes. Não sei mais o que faço. Será que a acupuntura vai ajudar???

  74. EDERSON B

    Pessoal estou por aqui para compartilhar as experiências e com certeza iremos melhorar.

  75. Maria Aparecida Garcia de Almeida

    Bom dia,a quaze a 1 mês estou com um desconforto,falta de ar (ditado)boca do estômago,entro em pânico ao anoitecer com sensação de que vou morrer,as vezes consigo dormir através de orações de amigos e da família.Ontem ,comentando em um grupo de terceira idade,alguém falou que havia nesta entidade,ACUPUNTURISTA,cheiguei-me a ele,e iniciei o tratamento,creio ter tido pequena melhora,pois dormir.Vamos nos unir através de FACEBOOK,para que possamos acabar com esse martírio,parece que a morte está nos rondando,é horrível.agradeço,por esse desabafo,abraço

  76. anonima

    Bom….eu tive esse diagnostico….TAG transtorni ansiedade generalizada…A pior experiencua da minha vida…. Agora faz um mes…tomaz e fluoxetina ha uns 5 dias…ainda nao senti seus efeitos….o que eu posso dizer para vcs e que ninguem precisa ter medo disso nao e o corpo que esta diente e nem a mente…pensem que e uma fase e que vai passar…. Sindrome do panico nao e uma doenca…mas uma condicao que pode ser contornada e curada sim….um dia de cada vez

  77. olá tenho 41 anos a 15 anos sofro deses mesmos sintomas, minha primeira crise apareceu do nada comi um macarrão alho e olho comecei a passar mal desse dia em diante nunca mais fui a mesma sinto tremores dormências dor no peito vista turva tonturas vontade de chorar penso que a qualquer momento vou morre, fiz exames do coração estava tudo bem tenho medo de sair de carro pensos logo que vou ter uma crise no meio do transito pois ao mesmo tempo que estou passando mal se chegar alguém e eu conversar passa é muito estranho. as vezes peço a Deus que morra logo de vez pois a quinze anos que passo por isso não aguento mais viver assim, me ajudem por favor

  78. Doni

    Oi pessoal, já tive crises de pânico oriundas da ansiedade, e digo a vocês que é sim possível não ter mais crises sem o uso de medicamentos.
    É um processo que requer muita força de vontade e coragem, pois, a crise é fruto do
    acumulo de anergias negativas oriundas da dificuldade que temos em lidar com os
    nossos problemas do dia-a-dia. Resumindo: As pessoas ansiosas não aceitam muito
    bem as coisas as quais não podem mudar, então a palavra magica é ACEITAÇÃO.
    Existe um recurso poderoso contra fortes crises que, acreditem porque eu acreditei e
    me dei bem, pratiquem MEDITAÇAO pelo menos 10 a 15 minutos diários (pesquisem a respeito de como fazer), e outra maneira de superar as clises e aceitá-las como solu-
    çao ou dissipaçao dessas energias acumuladas, já que elas não encontram outra forma
    de serem liberadas, e elas de algumas forma precisam ser liberadas, senão pelas crises, daí a necessidades de nao temê-las, aí vem a CORAGEM de que falei acima.
    Por fim, leiam o livro VENCENDO O PANICO SEM DROGAS de Luiz Delfino que me
    ajudou muito e que abordam detalhadamente o mecanismo do pânico.
    Vocês podem vencer, e vencerão este distúrbio. BY que o amor incondicional de Jesus
    de Nazaré estejam conosco, sempre.

  79. Regiane

    Eu tenho ataques muito sérios, e o de hoje foi um dos mais graves…
    Fui ao hospital, e tomei Diazepan 10 mg, e meus batimentos cardiacos aumentaram bastante…

  80. Nah

    Sinto uma dor do lado esquerdo do peito, uma sensação de vazio dentro de mim, é uma sensação horrível, passa uma cena na cabeça que depois não consigo explicar o que era! É muito confuso, e dura apenas segundos, é muito rápido. Tenho acordado pingando suor a noite também. O que poderá ser? Um ínicio de alguma síndrome? Ou só ansiedade mesmo? Me ajudem.

  81. João Filho

    LEIAM MEUS QUERIDOS COM MUITA ATENÇÃO
    Tive meu primeiro ataque de pânico faz 21 anos. Estou com 48. Vocês devem imaginar por tudo que já passei. Estou curado? Não tem cura até o momento. Estou controlado o que muito diferente.
    Quem está conhecendo este terrível problema, me desculpem alguns comentários, não resolve falar de DEUS, JESUS ou FÉ. Para ser sincero até acho uma falta de misericórdia e sensibilidade. Pode é piorar a situação do paciente. O pânico é tão individual e complexo que muitos vão se achar pessoas fracas e sem fé. Nessa nova situação, a do pânico, fica tudo confuso: casamento, filhos, trabalho, religiosidade, etc.
    Então amigos, se querem dar uma palavra de incentivo é: busquem ajuda psiquiátrica urgentemente.
    Após as crises diminuírem ou mesmo sumir, aí sim, o discernimento vai retornando e cada um decide seus próximos passos.
    Um texto curto. Mas se querem uma palavra a mais podem me escrever. Não ajudarei da forma pragmática que só um psiquiatra resolverá neste momento. Apenas compartilhar e saberem que tem sim como conviver com o pânico.
    Abs.,

    JOÃO

    jm_fh@ig.com.br

  82. João Filho

    PARABÉNS DR. ARTUR SCARPATO pelo seu desprendimento em dedicar tantas horas neste projeto.

  83. Francielle Silva Kochhann

    Oláa pessoal vejo que todos aki tem o mesmo problema, eu tbm tenho e minha primeira crise foi aos 17 anos hoje tenho 24 anos e realmente como dizem a sindrome não tem cura mas tem controle é so tomarem o remedio que o medico indicar que tudo se resolve, mas não adianta so remedio a gente tem que se ajudar tbm pq se não nada resolve.Eu sei o desespero que é quando se ta em crise é mesmo horrivel , mas fé em Deus e vida pra frente tentando controlar que devagarinho chegamos la , assim que der volto pra contar minha historia a vcs.
    Se alguem tiver facebook adiciona la.
    Abraço a todos e muita Luz.

  84. Fernanda

    Olá pessoal vejo que todos aqui tem o mesmo problema, minha 1º crise foi aos 16 anos depois com 22 e hoje tenho 33 anos e realmente como dizem a síndrome não tem cura mas tem controle .Sofro demais gastei até oque eu não posso, pois meu esposo está desempregado e só eu estou trabalhando, está muito difícil, me apego com Deus, tenho filho de 6 anos, e sem dinheiro para comprar esses remédios e tb para pagar consultas, etc fico pior, pq infelizmente tudo precisa de dinheiro, fiz muitos exame de coração,eletro,eco,fiquei com o holter, médico de pulmão, tenho muuuuuita falta de ar, medo, o médico disse pra eu fazer aquilo que eu gosto,uma academia,nadar, pintar…mais como se eu não tenho condições financeiras? e pra fzr de graça não tem vagas, os horários normalmente são os horários que eu trabalho….eu sofro muito com essa situação…..bjus à todos

  85. Paulo

    Eu tenho 21 anos e nem sei como isso começou, mas lembro que quando menor ja achava que ia morrer a toda hora, com aceleramento das batidas do coração, falta de ar etc. Hoje em dia as coisas estão piores tenho tido ataques de panico com frequencia e principalmente quando estou no onibus. Meu coração acelera, sinto dormencia nas mãos e no corpo todo, tontura, ansia de vomito, as vezes acho que vou engasgar com minha saliva. Nossa é muita coisa e pode ate parecer bobagem pras outras pessoas, mas so eu sei o quanto é horrivel passar por isso. Depois que tomei conhecimento do que se trata e sei que não vou morrer que é so o meu psicologico criando isso tenho melhorado um pouco, mas na maioria das vezes é inevitavel.

  86. zilene

    Tenho desde dos 10 anos,começa com um aperto no peito,minhas pernas vai ficando fraca
    sinto falta de ar,meu maxilar trava e em seguida desmaio ouço as pessoas me chamando só depois de alguns minutos que vou melhorando,apavorante parece que vou morrer….meu maior desejo é de ser curada….

  87. e n e todo mundo que tem q figir q ta bem um dia a gente cansa
    e uqando esse dia vem e pra sempre

  88. fabiano

    minha simdrome tbm e , dores no peito diariamente, pontadas no peito durante a noite ai acordo nervoso mesmo tomando calmante antes de durmir , tontura ,queimaçao no estomago ,,pareçe que tem uma bola na minha garganta coraçao acelera e muito mal estar sempre acho que vou morrer quando acordo de madrugada com dores no peito .

  89. fabiano

    isso começou quando trabalhei sexta de 8 da manha as 5 da tarde ,fui para outro emprego 9 da noite as 6 da manha e naum consegui durmir no sabado a tarde fui pra uma festa e so cheguei em casa 2 da manha e fui durmi ,no domingo 7 da manha fui trabalhar ate as 6 da noite fui pra casa muito cansado ai eu durmir acordei na segunda para ir trabalhar 8 da manha mas tava muito cansado e fui assim msm sai 5 da tarde quando entrei n o onibus para descansar cochilei so que começei ater um engasgamento e toda hora eu acordava fui ficando nervoso e sentindo falta de ar tive que desce do onibus mas quando desci do onibus minha mao começou a tremer demais e tremores por dentro de mim comecei a andar na av brasil na passarela 18 ate a passarela 14 ,quando cheguei no hoapital fiz o eletro e ja fiz tais exames ultrasom do coraçao (ecocardiopller) ,ultrason da regiao cervical ,videoscopia (mapa 24 horas minha pressao tava alta)

    ME RESPONDA ALGUEM KE ENTENDE ISSO KE E SINDROME DO PANICO

  90. joice

    Precis mto de ajuda ..
    Quem puder
    Tenho esss crise a 9 anos quem tiver watssap pfv 2481140149 obrigado

  91. cleize frança

    ME ADICIONEM NO MEU FACEBOOK…..CLEIZEFRANCA@YAHOO.COM.BR GOSTARIA DE PASSAR AS MINHA S EXPERIÊNCIAS E TAMBÉM CONVERSAR SOBRE ESSE ASSUNTO QUE TIRA A NOSSA PAZ DE VEZ EM QUANDO, ACHO QUE SE CONVERSAMOS ISSO VAI SER CONO UMA TERAPIA PARA NOSSO TRATAMENTO, ACHO QUE VAI SER BOM, PARA A CURA DA NOSSA MELHORA, CON TO COM A AJUDA DE VOCÊS…ATENCIOSAMENTE

  92. Ana

    Hoje vim do psiquiatra, e vou começar a tomar medicamentos para controlar os ataques de pânico e ansiedade, mas a medica fez questão de frisar que só a psicoterapia é que ajuda a vencer o problema! os medicamentos apenas ajudam a controlar as crises! Desejo muita sorte para todos e por favor não fiquei apenas pela medicação..é necessário ajuda de um terapeuta para entender e eliminar o problema! Já andei num e ajudou me imenso com questões pessoas! 🙂 força

  93. james

    acho que poderíamos montar um grupo de apoio a nós mesmos. aprendi a controlar minhas crises após conversar km muito com uma tia, que sofria com síndrome do pânico. conversar foi o melhor remédio.

    Não me livrei totalmente do problema, tanto que estou postando aqui durante a madrugada após uma pequena crise causada por umas pontadas no braço.

    Se alguém quiser bater um papo sobre o assunto, procure por James Della Valle no Facebook. bater um papo ajuda a aliviar o stress. Aliás, melhores só de desabafar aqui.

  94. valdilene

    isso e a pior coisa q existe no ser humano.ha quase 3 anos desenvolveu em mim essa crise e nunca vivi tempos mais dificeis.hoje ainda sofro algumas crises mas cmsego superar porq tive um encontro pessoal com cristo.vivo normalmente porq procuro estar sempre em sintonia com jesus Cristo,e o melhor remedio e nao tem outro igual.

  95. ola pessoal tenho 17 anos e tenho esse problema a anos ja fui ao medico e nada meus sintomas sao dores no peito tipo beliscao desconforto, dor no braço esquerdo uma dor dormente, falta de ar que parece que vou desmaiar e muito mais muito medo de morrer, mais ja fui ao medico e nada e ate hoje sont esses sintomas quem tem esses sintomas me adiciona no facebook julio anderson melo preciso falar com pessoas que sentem o mesmo so assim me sinto protegido rsrs falow amigos abraços

  96. Batata

    Começou assim: fui funcionária, por 20 anos, de uma empresa que foi privatizada. Aos 37 anos comecei a procurar emprego e não achava nada pq tenho perfil generalista, ou seja, sei fazer um pouquinho de tudo e não sou especialista em nada. Isso acabou comigo pois achava que me aposentaria naquela empresa e o dinheiro já não dava pra pagar as contas. Qdo arrumei um emprego ganhava pouco e tive q vender meu carro. Arrumei outro emprego mas tive que baixar muito o padrão de vida. Não conseguia dormir pensando no futuro, o que faria, se teria dinheiro pra pagar as contas, se teria que vender meu apto. Pensava que o melhor seria morrer pois aí não teria que lidar com tudo aquilo. Comecei a prestar concurso público para cargos administrativos e passei para agente administrativo da prefeitura da minha cidade. Aí sim começariam meus problemas. Eu simplesmente detesto trabalhar com pessoas, digo, atendimento. E me colocaram justamente numa recepção da área de saúde. Eu que estava tomando um remédio para tratar da ansiedade de ter um emprego que eu pudesse pagar as contas, passei a tomar dois mais um para dormir. Passei a ter crises de choro convulsivas pois as pessoas humilham muito o servidor público por causa das “besteiras” do governo (ou dos governantes). Eu que nunca sequer tive um afastamento em 27 anos de trabalho, tive que ficar 40 dias fora pra me recuperar. Só vejo duas saída: exonerar ou morrer. Se exonerar não terei dinheiro para pagar as contas. Todo mundo diz pra eu não fazer isso pois sou estatutária e blá blá blá. Fora isso sabe-se lá qdo vou conseguir outro emprego e tenho muito medo do futuro e por isso me acovardo e me desespero por não conseguir sair de onde estou. Aí volto pra ideia de morrer e passo um bom tempo pensando qual seria a forma menos dolorosa e rápida para morrer. Não pensem que eu esqueci de Deus em todos estes eventos. Hoje percebo o quanto é dificil REALMENTE confiar Nele e esperar pelas Suas resoluções. Não aguento mais pensar em todas as opções pois não vejo saída. Sinto-me exaurida pela luta e não posso me entregar. Sinto dores no corpo, sopro no peito, insônia, compulsão alimentar, tristeza e negativismo constante. Faço psicoterapia e trato com psiquiatra. Enfim, só me resta esperar…

  97. Lourival marques

    oi tenho 22 anos e tou sentindo esse mesmo problema mais sinto como se nao estivesse no meu corpo quando vou caminhar sinto me balançando dor de cabeça pontada sensação que vou ter um infarto medo de morrer ja fiz eletrocardiograma ultrassonografia abdominal glicosse hemograma simples e completo todo dia sinto que vou dismair ai fui a um pisiquiatra passou citalopram 20 mg e sulpirida 25 mg figuei pior ai parei com 8 dia que tava tomando nunca fiuei bom ai fui a m pisicologo (086) 99441970 (086) 99505876 quem puder me ajudar que ja superou isso Neto maques no facebook https://www.facebook.com/lourival.marques.585

  98. rafael

    Gente faz um ano que tenho panico tem dia que penso que vou morrer quando eu bebo no dia seguinte eu indoido e a dor no peito e de morte e horivel e normal

  99. FAPR

    Estes sentimentos de dor no braço, coração acelerado, medo,dor nas costas, suor intenso,ja tive tudo isso do nada, ja fui na cradiologistas umas tres vezes, ele disse que não tenho nada ate me liberou para natação, fui no ortopedista e o mesmo também nada, e é dificil falar para as pessoas, pois elas não entendem, no começo estava pior, agora esta moderado,mas é muito ruim e as dores aparecem do nada, a tristeza, o medo de perder, da separação, esse sentimento de ansiedade tem sido uma praga deste século,mandem respostas de como superar tudo isso….

  100. Tatiana

    Olá! meu nome é Tatiana, tenho 26 anos e desde dezembro de 2013 sofro com esse mal. Tudo começou quando estava no carro com meu marido, quando senti um formigamento forte nos meus ombros, pescoço e cabeça, meu corpo queimando por dentro…fiquei desesperada, e sentindo que teria um mal súbito. Fui ao médico, pressão estava 16 e parecia que surtava de tão nervosa. O médico falou que n era nda de avc e nem infarto, simplesmente se estava nervosa com alguma coisa, e eu falei: meu intercâmbio, que faria dentro de 1 semana. Fui em outros médicos pois os sintomas vinham e iam e todos falavam: emocional…o 1º médico logo de cara me receitou fluoxetina e remédios p pressão…viajei, quis tive uma crise, voltei e passaram-se 1 mês…os sintomas voltaram, mas desde a 1ª tenho medo que piore…depois fui à psicólogo e psiquiatra e diagnosticaram síndrome do pânico! Estou aqui para pedir auxílio e ajuda, pois sempre meus sintomas vem e vão, e o que posso fazer para melhorar as crises? Sou uma pessoa que sempre fui brincalhona, gosto de pessoas, social, tenho a minha família, meu marido e não os quero perder! Sinto dores nas costas, formigamento, pensamentos ruins que n quero ter, até meus dentes doem, juntas, taquicardia e sinto choquinhos no meu pescoço….é muito ruim, então, quem puder, compartilhe comigo, pois preciso desabafar, obrigada e fiquem com Deus!

    • bruno

      Sinto os msms sintomas…ainda estou aprendendo a lidar com eles…ajuda e fundamental e também reprogramar a mente….e o q venho lutando para aprender…..q Deus te abençoe e nos guie

    • wandersoncardoso

      Eu tenho 22 anos, sou super comunicativo e sociavel, mas infelizmente tenho Sindrome do pânico tbm, tenho os msms sintomas q vc mencionou… agr msm passei por uma crise (escrever aqui no blog é uma forma de me acalmar).. E o que eu posso dizer é que só um tratamento continuo com remédios certos vão te fazer sair dessa!
      ps: Estou tendo a crise agr pq deixei de tomar os remédios no fds p poder beber kkk mas tenho total consciência disso.

  101. Luiz Felipe

    Pessoal , tenho 36 anos e sofro de ansiedade desde meus 19 anos , a ansiedade e o stress desencadearam a SP.Falta de ar , medo de morrer , medo de ficar louco , irritabilidade e tantas outras sensações horríveis.Comecei a tomar medicação apenas agora (10mg Reconter e 0,5 de apraz) , q tem me feito muito bem , porém descobri como controlar minhas crise , aperto o botãozinho do foda-se…não se cobre , nem se culpe , faça da vida algo prazeroso…ore à Deus , não procure defeitos , nem tente ser o melhor , apenas viva…pois a única certeza que temos nesse mundo é a morte…Certo??
    Que Deus abençõe à todos…

    • wandersoncardosow

      Seu comentário foi ótimo, muito encorajador Luiz Felipe!
      Eu tenho 22 anos, sou muito comunicativo e bem sociável, demorou p eu acreditar q isso poderia estar acontecendo cmg.. ainda tenho medo de infarto, mas logo passa ligando o foda-se tbm! hauhaua

  102. julieta resena freitas

    Acho que minha mãe está com síndrome do panico, ela não consegue mais dormir, pois sempre que dorme a pressão arterial fica altíssima não sei mais o que fazer, os médicos não acham nada.
    Me ajudem por favor.
    Podem me adicionar no face

  103. MARCUS ARNAULD

    Eu tenho estes sintomas a tempo. Já fui para emergencia varias vezes. Fiz cintilografia, eletro, holter, eco, ergometria e nada. Mas claro que nuca acredito nos resultados. Procurei mais de 4 cardios. Comecei a ir no psiquiatra e ele me recitou pondera. Tomei um tempo e não adiantou nada. Então rsolvi tentar encarar os sintomas. Qdo me da eu tento me acalmar e pensar em outra coisa. Mas claro q meu amigo e fiel Rivotril não pode faltar. Qdo estou mto ansioso tomo meio de 0,5mg e logo passa. sei q ele visia,mas fazer oq

  104. Claudio

    Galera, é o seguinte: desde agosto de 2013 que comecei a sentir essas coisas todas que voces estão relatando, e tudo começou por conta de uma fraqueza que tive, oriunda de uma verme que peguei chamada giardia. Acontece que quando fiquei fraco entrei em panico e isso perdura sempre em alguns instantes de minha vida…no Trabalho o medo de morrer era terrivel, cansaço do nada, o coração acelera, a respiração falta, inclusive agora estou lutando contra a minha respiração e minhas pernas que balançam muitoooo…confesso que sou muito ancioso, mas nunca tinha apresentado quadros tao serios na minha vida antes. Agora estou ciente de que não tenho nada, que tudo vem de minha mente, e para piorar eu consultava muito a internet, que me fazia extremamente mal! Percebi que quando mudamos o foco do pensamento, tudo passa, sozinho…ou seja, quando penso que estou começando a ter o problema, aí é que ele vem, dura em torno de 30 minutos, sem contar que ainda vem com vontade de ir ao banheiro, e minhas crises acontecem quase sempre proximo ao meio dia e se acentuam após o almoço. Tontura, olhos pesados e um pouco de sono, muito esquisito….fui a igreja no domingo passado e percebi que enquanto eu não estava em oração, ou calado, o problema queria vir, eu ficava prestando atençao na minha respiração…fiz varios exames e não deu nada, entao é com o médico dos médicos, e estou convicto que Ele vai resolver, quando louvo passa, comprei um teclado, pois gosto de musica, incrível, passa tambem! Meu sono, Graças a Deus é muito tranquilo. Estou feliz pois sei que não vou morrer disso e que na real tenho que praticar exercicios e tentar ser mais forte que esses pensamentos que nos poem pra tras….chega! Deus seja louvado…olha…ja estou melhor…escutem musica, busquem caminhar na praia, conversar com a familia, aproveitar tudo o maximo, rir é muito bom! Obrigado por ouvirem e o remedio pra isso é ser convicto que isso vem da mente, ja consigo controlar!!! 🙂

  105. Dan

    Ola eu ja tive muitos desses sintomas de sindrome do Panico a mais ou menos tres anos atras tomava rivotril de 0,5 e fluoxetina de 20mg tinha medo de tudo e agora ta voltando tudo de novo mas de uma maneira bem pior vem ne minha mente que estou com gastrite e nao posso comer nada que passo mal e poço morrer e ainda vem que se eu voltar a tomar os remedios pode vpiorar o estomago e eu morrer e criar uma doença ou ate uma ulcera meu Deus parece que ta vindo tudo de novo eu tenho mania de doença de achar que estou doente com alguma doença grave

    • sergio felipe

      meu caro amigo , somos humanos , veja quantas pessoas estão sofrendo com este processo de saude , que fazemos exmes e nunca dá nada , meu imão , este problema é espiritual , procure jesus hoje mesmo ela vai te dar o melhor , eu sou vítima dete infeliz caso , até hoje só alguns remédios mais creio que senhor na hora dele fará o milagre em nossas vidas , , amém.

    • carla

      olá Dan eu tambem sou assim estou passando por isso ha mais ou menos 11 meses ja fui em varios medicos ja fiz varios exame e nada foi constatado disseram q é tudo de fundo emocional estou indo ao psquiatra ele receitou floxetina tomei durante um mês melhorei em uns aspecto e em outros piorei ai decidi parar me senti ótima durante uma semana mais agora ta voltando tudo de novo estou desesperada estou pensando q estou com alguma doença grave toda hora vem uma doença diferente na minha cabeça não consigo mais dormir pois tenho taquicardia durate anoite e acordo varias vezes ai fico com medo de pegar no sono novamente não sei o que fazer me sinto perdida.

  106. bruno

    Boa noite a tds! Há 1 ano minha mãe estava no meio do tratamento de quimioterapia… Ee depois q ela se curou e finalmente td eestava voltando ao normal em uma noite deitado na minha cama veio uma forte dormência no braço esquerdo com MT taquicardia e pressão alta….fiquei 1 semana indo em diferentes médicos até q em um dos ataques reSolvi pagar uma consulta de emergência….quando entrei na sala da Medicá já pude ver um convite em um quadro para palestra sobre síndrome do panico….apesar dela ter me explicado td cientificamente aibda estou lutando contra sintomas q venho sentindo….neste momento estou comecando a sentir dor no ouvido….ainda estou relutante em Tomar remédios….estou com uma receita para apraZ mais aibda não comprei…..está sendo MT difícil…..MT forca a tds

  107. vivi

    Chorei muito só ler algumas histórias, pois passo pelo mesmo…Q triste ter a sensação de morte todos os dias,tá muito difícil…Qd vemos q podemos compartilhar essa angústia com alguém, dá um alívio…Tenho essa doença há alguns anos ,mas só descobri o que era há pouco tempo…Estou no meio de uma crise e as vezes custo a acreditar q não tenho nada físico….Vou a um psiquiatra, e tenho muita fé q tudo vai passar…Desejo do fundo do meu coração que todos melhorem pois não há nada pior do que perder nossos sonhos com essa doença…força para nós…Deus está no controle

  108. JOsé miltom de Souza Leáã

    Conversar e ficar perto das pessoas q agente gosta, é o melhor remedio

  109. a quase 3 anos venho sofrendo de varias complicaçoes.. desespero.. beirando a morte. nao a nadA a fazer.. no hospital fico em desespero.. pq vou morrer.. estou desesperado.. twnho 23 anos apenas e minha vida, temo q acabou .. socorro.

  110. marcelo do nascimento

    Nao sou psiquiatra nem medico, porem so tenho uma coisa a dizer, tudo isso que sentimos e coisa da cabeça, ninguem morre antes da hora e nao devemos ter medo de morrer pois quando chegar sua hora nao vai ter tempo nem de saber que morreu, a morte nao avisa, esse mede de achar que vai morrer, ja é um sintoma de que vc não vai morrer rsrsrs, depressao se resolve com arrumar alguma para fazer que vc goste de fazer, tente acordar mais cedo e arrumar um motivo para vivier, e parar de pensar em grana futuro etc, vive o momento.

    • Viviane Avila de Miranda

      Bom dia….Exatamente Marcelo…. Penso como vc….A tantas coisas maravilhosas nesse mundo,e que devemos desfrutar delas, e esqueçer as coisas ruins….Espero que tudo isso que passou jamais volte….. Abçs e Deus te proteja

  111. Ana Beatri

    Boa tarde!

    Tive problema com depressão e sindrome do panico aos 18 bom hoje saio para todos os lugares de São Paulo só que parece que deixou com um problema e agora não consigo cuidar eu não consigo viajar sozinha sempre penso que vai acontecer algo e mesmo se eu sair com os meus pais alem da anciedade de chegar e horrivel a sensação sempre dar uma dor um aperto no peito e a mão transpira… alguem pode me ajudar a como tratar disso?

  112. Oiie começo ja faz uns 2 meses q venho sentindo meu coração acelerado dor no peito e no pescoço falta de ar ,as vezes acordo de noite com o coração muito acelerado e umas tremurinha nas pernas e uns calorzinhos e parece vou suar mas começo a rezar até consegui dormi tenho muita vontade de chora todos os dias pensso q vou morrer ,pansso q tenho problemas no coração,a um mes atrás começo isso ai comesei a ir na igreja e foi passando mas agora ta voltando de novo e me da todos os dias ,não sei mais o q fazer so tenho vontade de chora pois tenho um bebe de 9meses e amo muito e tenho muito medo de morrer e deixa ele ,se alguem se identificar me ajude e podemos conversar

    • Eugenio Silva

      Alan, que a graça e a paz do Senhor seja contigo. Eu tbm sofria desse problema, eu índico vc buscar numa igreja, leia a bíblia, DEUS tem o melhor pramim e pra vc. Vc só vai morrer depois que vc cumprir o proposito que deus tem sua vida. Creio que essa e uma forma que Deus tem usado para nos chamar atenção para ele, pois buscamos muito o nosso b e quando nos frustamos ficamos assim desacreditdos , de nos mesmos. Quero que leia mais depoimentos e só em ler os depoimentos aqui exposto vc ja vai começar a melhorar…. Vc nao esta só nesse barco amigo, olhe para mim e para os demais depoimentos que aqui estão e tenha forca de inteder que isso e só nas nossas cabeca procure conhecer a Deus, Jesus Cristo seu filho e o Espirito Santo que Deus nos deu para nos consolar nesses momentos e intendermos que Deus tem que esta em primeiro lugar nas nossas vidas, dai quando vc o conhecer vai ver que ele preenche um vazio dentro de nos que o alcool, drogas, prostituição e ND vai preencher esses vazio, só DEUS. Meu face é Eugenio Silva me add que quizer conversar.

  113. cintia vianna da silva

    Oi…passo por esse problemas há 8 anos….síndrome d pânico é algo muito sério….Pessoas pensam q é frescura até hj me sinto mal….Só oro muito pra Deus pq até hj nunca mas fui a mesma com uma alegria genuina…

  114. Eu estou sofrendo muito com essa porcaria de doença ñ quero nem sair de casa e quando tenho visitas comesso a ter os sintomas tento me acalmar mais é muito ruim é dor no peito fico sem ar tontura tremula muito irritada com tudo alguém me ajude por favor ñ faço nenhum tratamento estou penssando em ir no piçicologo mais onde moro ñ tenho no sus e ñ tenho como pagar um pelo amor de deus me respondam bjs

  115. Paula Vilhena

    Gente pór favor me ajudem, não posso vver assim , o que faço para me curar? sinto meu coraçao acelerar e o pior de tudo é que não consigo durmi, e quando durmo tenho pesadelos, sempre vou a hospitais ahando que vou morrer, e me assusto com qualquer coisa! o que sera isso gente?

  116. oi pessoal meu nome é caio e eu tambem tenho o mesmo problema tenho 16 anos e ja tem ums 3 anos que eu convivo com isso
    é muito simples parar de sentir essa sensaçao vc tem que se sentir calmo e tentar se distrair fazendo algo eu fico com frio fico tremendo com muito medo de morrer e muito apavorado mas o que eu disse funciona sempre que eu fasso isso , essa sensaçao ruim passa

  117. Eugenio Silva

    olá Paula, eu acho que o primeiro passo vc ja deu… E reconhecer que tem o problema…. Depois e vc procurar se descontrair, fugir de brigas e de intrigas,fofocas e todas as coisas que te faca mau… Deixar de ver noticias de coisas ruins etc e em primeiro lugar buscar a Deus… Ele diz: vinde a mim todos os cansados e oprimidos e eu os aliviarei… Depois ele diz: eis que Bato a porta se me ouvides e abrir ali eu estarei e criarei contigo…. Nem sempre fale de seus problemas para todo tipo de gente…. Sente em sua cama…. Esvazie sua mente e eleve seus pensamentos ao senhor e fale com ele como se ele estivesse ai perto de vc… E conte tudo que vc sente…. Abra seu coração…. Deixe as mágoas pra traz perde o ate os que lhe maxucaram e vc ja vai notar a mudança em sua vida….qlq coisa meu face é Eugenio Silva fica com Deus….

  118. Gabriella bomfim

    Sinceramente ja nao sei mais o que faço sinto todos esses sintomas mais tenho medo de conversar com meus pais sobre isso para eles me levarem ao psicologo , tenho medo deles nao entender, e muito ruim essa situaçao de verdade, sinto muito medoo de morrer por causa das dores no peito, ja nao sei mas o que eu faço. ME AJUDEM?

  119. flavia oliveira

    depois que casei e vim pra sp deixando minha familia em bh tudo me assustava …ai tive filho e ele nasceu com problemas no coraçao sofremos muito hoje ta tudo bem mas ultimamente eu sinto tonturas ansias ,pensamentos morbidos ,palpitaçoes fiz um eletro mas o problema que deu nao interfere m nada disse o medico posso viver a vida toda com ele e nao acontece nada fiz outro eletro e nada,mas ao passar por um momento de muita raiva ,meu coraçao doia e sentia um no na garganta ,fui ao medico pensando vou morrer ,e nao deu nada de novo ,o que sera?

    • Há muitas narrativas de pessoas que tem síndrome do pânico. Cada qual tem o seu motivo . Aconselho ir a um bom psiquiatra e conversar com ele sobre o que está acontecendo com você .

  120. Bruna Santos

    Boa Noite gente,meu nome e bruna e tenho 17 anos,a quase um ano convivo com essa maldição que e a sindrome do panico,me trato a quatro meses,pois demoraram a descobrir oque eu tinha,fiz varios exames e nada deu,nao aguento mais essa situação,sinto muito tontura,falta de ar,sensação de desmaio,coracao desparado,dor no peito,pressao na cabeca..enfim entre outros são tantos que as vezes nem lembro,tomo excitalopram 10 mg de manha,e metade de clonamazepan de manha e metade anoite,ate melhorei um pouco,mas as vezes fico desanimada pois axo que vou morrer,estudo e estou prestes a perder o ano por conta dessa doença,tem dias que nem vontade de levanta tenho,o desanimo e tanto que ate penso que isso nunca vai acaba,por favor me ajudem,preciso conversar com alguem que tenha o mesmo problema que eu,pq muitos axam que e frescura mas nao e,so deus e agente sabemos oque passamos,so sei que nao aguento mais,perdi muita coisa por conta dessa maldição,nao sei pq fiquei assim,foi derrepente,por favor orem por mim,deus abençoe gente e desculpem o desabafo,mas eu precisava disso.bjs

    • THIAGO

      bruna , me chamo thiago e te dou uma dica não de ibope pra essa doença ,quanto mais vc dá ibope ai que ela ataca.respira fundo e devagar e emfrenta ela só vai desapareçer quando vc esqueçer dela, não deixe de fazer o que vc fazia vc tem que entreter sua mente ai vc vai oculpar sua mente com coisa que vc fazia. E aos pouco s vc vai esqueçendo, uma coisa que eu te digo isso só vai passar com o tempo se vc querer sarar rápido ai vc vai ficar ansiosa e isso não vai ir embora tão cedo abraços ¹¹E PROCURE Á IGREJA ISSO AJUDA MUITO..

  121. Neimar

    Bom dia! TIVE SINDROME DO PANICO A 3 ANOS ATRAS. ME CUREI COM MUITO EXERCICIO FISICO!!! GENTE, TOMEM O REMEDIO MAS ENTREM EM UMA ACADEMIA!!! O EXERCIO CANSA O CORPO, VOCE DORME BEM!!! O EXERCICIO LIBERA SEROTONINA, VOCE COMEÇA A TER AS CRISES DE PANICO CADA VEZ MENOS E VAI MELHORANDO O TEU HUMOR, TUA DISPOSIÇAO. DE VAGARINHO VOCE VAI ABANDONANDO O REMEDIO!!! EU TOMEI RIVOTRIL E FLUOXETINA DURANTE UNS 4 MESES E FIQUEI COM UM PROBLEMINHA DE PERDA DE MEMORIA… VOCE CONSEGUE SE CURAR!!! FAÇAM ISSO, NAO SEJAM ESCRAVOS DO REMEDIO!!! QUANTO MAIS TEMPO USAREM ESSES REMEDIOS PIOR VAI SER NO FUTURO!!! VAO FAZER EXERCICIOS E DEUS ESTEJA COM VOCES!!! ABRAÇOS!!!

  122. Elaine

    Boa tarde, gente á algum tempo venho sentindo esses varios sintomas q vcs sentem.
    Isso ta me atrapallhando muito, eu era uma pessoa ativa, nunca senti nada assim, ja fiz exames laboratoriais, cardiologista, psiquiatra , e me passaram clonazepan, e fluoxetina.
    Na aguento mais isso, sinto indisposição, maos e pes gelados, sentia dores no peito e taquicardia, mas fiz eletro e nao deu nada graças a Deus. Segundo os medicos tenho ansiedade generalizada, as vezes penso que tenho uma doença grave.
    Gente nao sei mais o que fazer, só Deus mesmo.

  123. João Bruno Pereira da Silva

    Li cada um desses depoimentos, e obiservei que tenho esse mal da alma e do corpo se alguem se libertou, por favor compartilhe com migo não sei mas como fazer ja esta interferindo na minha vida não consigo mas sair de casa é um medo terrivel de tudo por favor se alguem poder me ajudar me ajude imail: jbpmta@hotmail.com.

    obrigado,
    por favor preciso de ajuda urgente.

  124. Paula Vilhena, boa noite, vou te responder pois quando tive esses problemas procurei respostas e não obtive, Bom aparentemente você tem ansiedade generalizada, vá em um Cardiologista faça um, Holter e Ecocardiograma, mas digo em um cardiologista mesmo que só trate do coração, depois vá ao pronto atendimento e peça um ECG, se depois desses exames você não tiver com problema nenhum, ou consta extra sistole benigna no Holter, procure um psicologo, se não resolver um psiquiatra, é tudo fruto da sua mente houve dias que pensei que ia morrer, coração disparava do nada, andava na rua me sentia estranho, visão turva cansaço excessivo, Meu cardiologista me receitou Citalopran é para Depressão melhorei muito com ele, mas ainda sinto ansiedade em função do meu trabalho pois tenho que cumprir prazos curtos e entregar projetos, hoje em dia se eu ando sozinho na rua ainda sinto canceira as vezes até a vista ruim, agora se eu ando conversando com alguem eu já não dou atenção para a ansiedade e fico bem, isso tudo é coisa dessa nossa cabeça louca, ultimamente sinto cada extra sistole que parece que vou morrer, nem me assusto mais, entrego nas mãos de Deus kkkkkk, é muito simples resolver esse problema tire ferias do trabalho esqueça tudo que te aflinge, corte energeticos e estimulantes e vc nem vai precisar ir ao medico, faz o teste 😀 Depressão é a maneira do cerebro liberar o stress e na maioria das vezes o mais atingido é o coração, alias faça exames da Tireoide tambem e veja como esta seus Hormonios T3 e T4. eu lia pela internet pessoas falando que éra só ansiedade mas eu não conseguia entender como a ansiedade podia fazer tudo isso, então descobri que realmente o causador disso tudo é a ansiedade. e provavelmente é seu caso tambem, bom compartilhei minha historia com você melhoras e tire férias, abraços.

  125. carlos

    Pessoal calma temos que saber, primeiro de tudo se é ataque de ansiedade ou um doença grave, um medico vai dizer fazendo varios exames, tenho esta doença a 15 anos ela vai e volta sei que é isso porque a 13 anos estou vivo não morri, gente vou ser curto e direto não tem oque fazer tem q aceitar e ir aluta que se fodas se ta doendo que se fodas se eu vou morrer de uma hora pra outra, sabe oque eu faço como eu ja fiz todos os exames que podia fazer e não tenho nenhum orgão com problema eu deixo rolar deixo ir até o fim só pra ver oque acontece eu to com o rosto esquizito eu fico vendo se vai ficar mais esquizito ainda, se to vendo que vou desmaiar deixo até ver se eu desmaio mesmo, desde que começou isso eu nunca tisse problemas graves de nada nuca desmaiei nunca tive avc nada só essas coisas loucas que acontece com doentes como nós que se fodas fico com raiva da vida e vou vive-la se vou morrer ou não só Deus sabe. fale pra si mesmo eu não to doente não to numa cama de hospital meus examos deram tudo certo então só pode ser a minha cabeca me pregando uma peça, vou fazer o mesmo com ela eu trabalho tenho um amor, vivo normal e que se foda essa ansiedade.

  126. rogerio

    ja passei por tudo isso no meu caso eu fis o seguinte escrevi uma carta perdoando a todos que tinham me magoado e pedindo perdao a todos que magoei pedi perdao a Deus pelos meus pecados e que me livra se deste mal queimei a carta e implorei que a fumaça chegaçe a Deus e ele me abençoace com a cura atraves dos remedios que eu estava tomando fui me sentindo melhor dia apos dia ate que consegui sair de casa graças a Deus infelismente essa sindrome nao se cura deitado na cama se cura enfrentando ela junto com Deus lembre se ninguem nunca morreu disso vc nao vai ser o primeiro peça a Deus e entregue seu tratamento nas maos dele

  127. Giovana Engel

    Nossa qt gente sofre com essa doença.
    Gostaria de saber se alguém perde o apetite também?
    E poderiamos criar um grupo para conversar.

  128. Ana Carla

    Olá tive tudo isso. Uma pressao horrivel na cabeça, coração parecia que vinha no pescoço, tremia muito. Fui fazer eletro, fiz teste ergometrico, e não deu em nada. Foi quando o medico falou que eu estava com sintomas fortes causados por ANSIEDADE. Me receitou calmantes fortes e foi assim que fiquei boa. Mas as vezes volta, só que eu não fico mais assustada, tomo um calmante e logo passa. Quanto mais se desesperar , mais agrava o problema,

  129. Thiago THalisson

    Ola pessoal.. tou passando por tudo isso…
    Nao consigo trabalhar direito…. meu caso é muito ruim…. tenho medo… i todos esses sintomas… alguem pode me ajudar????

    • Paulo

      Olá amigo,entendo bem o seu problema pois tambem já passei por isso.Vou te dar alguns conselhos práticos que faram com que vc domine a Síndrome do Panico e se liberte de uma vez por todas desta praga mental: 1-Saiba que ninguem morre por ter síndrome do pânico, esses efeitos e sintomas terríveis que vc sente são nada mais nada menos que sua própria mente agindo contra vc atravez da “somatização inconciente” que são efeitos físicos criados por meio de sugestões mentais, que vc mesmo cria, intencionalmente ou não, ( [É como se vc hipnotizasse a si próprio). A nossa mente PODE SER O NOSSO MELHOR OU PIOR INIMIGO! Lembre-se sempre disso. Vc quando entra num círculo vicioso de pensar, isto é,só pensa besteiras o dia todo, seu corpo que é programado e age em função dos seus pensamentos não tem outra alternativa a não ser a de te trazer inúmeros problemas mentais e físicos.
      O verdadeiro “Diabo” são os nossos pensamentos negativos! Lembre-se sempre disso! Se vc pensa em mover um dedo,este dedo se move, Se vc pensa emabrir a boca, a boca se abre, Se vc pensa em piscar o olho o olho pisca, E se vc pensa que vc é um desgraçado e doente,logo vc se torna um desgraçado e doente… Para curar a sua mazela, Una-se agora com Deus, que habita em seu~intimo na forma de bons pensamentos e peça a eles que povoem definitivamente a sua vida e mente e vc logo verá que o “Diabo”(pensamentos negativos e destrutivos) fugirá de vc levando com ele todas as suas doenças sejamelas físicas ou mentais. Vc é um ser criador! Vc pode escolher os pensamentos que irão povoar a sua mente! Escolha somente pensamentos que te engrandeçam,inspire, fortaleça, encorage etc. E vc verá seu corpo e sua mente lhe retribuindo com saúde,paz,prosperidade e incontáveis bençãos espirituais! Quandoa a crise de pânico aparecer, respire fundo, encha os pulmões de ar, várias vezes se for preciso e pense em Deus (bons pensamentos) e vc verá quecomopassar dos dias, ascrises irãoperdendo a força, até que um dia elanão voltará mais e vc verá o quão idota vc foi por nutrir pensamentos negativos e viciosos em sua mente. Um grande abraço para vc! Se Vc ou outra pessoa quiser conversar comigo, meu E-mail é: paulocesarsjc@gmail.com Muita luz! AtéMais!

  130. Viviane Avila de Miranda

    Pessoal, li muitos depoimentos, e fico triste em saber quantas pessoas precisam de ajuda e não tem aonde buscar. Acreditem que Deus tem a cura para cada um de nós. Tenho 36 anos, tbm sinto que a algo errado em mim, e que as coisas pioram a cada ano que passa. Sou mãe de 5 filhos(as), vivo com meu marido e sempre que viajamos, eu vou seguindo na estrada apenas pensando coisas ruins do tipo: se o carro capotar, se um caminhão esmagar, as vezes do nada to feliz e logo entristeço imaginando um filho meu vindo da escola e aconteçendo algo de errado…etc…Se o telefone toca , meu coração pareçe que vai saltar da boca, logo penso.Alguém morreu…. Fora que morro de medo de morrer… Sinto medo de viver sozinha, de perder alguém que amo, filhos, marido, irmãos…etc… Entro em desespero, costumo chorar a toa, entro em pânico….Eu não era desse jeito, passei a sentir esse medo após ser atropelada …..Eu cresçi numa família meia turbulenta, cheia de problemas, meu pai corria armado para acertar minha mãe, era faca voando pela casa, eles eram perturbados, viviam em centros, a casa era dia e noite oferendas, eu sentia medo da minha própria família….e não via a hora de sumir de perto deles… Então, hj sinto que carreguei um pouco daquela infância nojenta que presenciei com eles… E a única solução é clamar á Deus……Somente ele pode nos livrar da morte…. Somente entregar tudo que sentimos ,medos,angústias, dores nas mãos de Deus e ele nos fortaleçe….Se não nos apegarmos nele, a gente vai acabar ficando louco …Más louco mental, com problemas psiquiátricos….. E nem Jesus vai curar…. Não frequento Igreja, más todos os dias falo com Jesus…e sei que muitas coisas só não me aconteçeram porque ele está na frente de tudo em minha vida…. Clamem á Deus, façam amigos, conversem sobre coisas boas, brinquem, vivam, aventurem-se….Sem MEdo…Pois medo é coisa do Capeta, que não quer ngm em Paz, ngm vençendo… Pensem positivo…. Distraiam-se com coisas bobas, eu no caso, jogo video-game(aventuras), brinco com meus filhos….Grito, canto,danço…. e não me importo ,prq criança sei que não sou,más não queiro deixar de ser assim….. Cada vazio que tenta se alojar em meu coração ,preencho com essas coisas citadas acima..e assim vou vivendo…. Saibam que Deus não permiti nada que não esteja na hora….Deixem de ter medo de sair…medo de viver….e vão em busca de serem felizes….. Quem desejar ser meu amigo virtual, sejam bem vindos…Homens,mulheres, qualquer raça,sexo ou religião….Sou amiga de todos…… Basta querer….. Deus proteja e cuide de todos aqui … https://www.facebook.com/vivianeavila1978

  131. Cinthia

    Boa noite,
    Li vários depoimentos e me identifiquei muito, pois tenho crises de pânico desde 2008 e nessas últimas crises, além desses sintomas estou com refluxo, bolo na garganta,pigarro, dor no pescoço , ombro e quando saio a rua ando como se tivesse bêbada e sem rumo.Essa noite tive p
    um mal estar de madrugada, acordei com muito medo, uma dor de cabeça forte e na nuca, quando tirei minha pressão estava alta e com taquicardia 150 batimentos, foi um desespero.tomo rivotril e agora meu psiquiatra passou paxil.

    Caso alguém tenha algum sintoma como esse que citei e queiram conversar é só escrever para cinthiacruz2004@yahoo.com.br
    Peço a Deus todos os dias a minha cura e desejo a cura a todos que deram seus depoimentos

  132. aldoino santos da silva

    Entao galera ja fazem 1 ano q venho tendo crises de panico ..mas de 4 meses pra ca tudo mudou ainda tenho algumas crises de ansiedade mas sem panico… sem medo… pessoal o panico nao é a doença … encare de frente a fera …a onça preta…vc nao vai morrer …a mesma força q criou nosso corpo pod cura lo…quando as crises vierem..ondas de calor …medo ..tudo mais…relaxe ..sente ae ou se deite respire profundamente enchendo a barriga …(diafragma)…!aceite a crise ela dura de 10 a 30 minutos …aceite a com amor e carinho …ela é um meio de expelir para fora toxinas q estao preojudicando seu organismo… seja o odio o rancor … sorria …depois q vc passar uma vez por ela sem medo vai entender…sera como uma cobra trocando a pele…ou uma unha quebrada q ao ir curando fik sensivel…mas depois vem forte…renovada… a crise nao é um monstro nos a vemos assim.
    .tenha mais amor ….carinho ….olhe para o seu coraçao e diga ..eu te amo muito….estou cuidando bem de vc…oq posso fazer para te alegrar…..sera um otimo rxercicio…. tem um grupo np face chamado sindrome do panico a cura é real… ansiedade e depressao …procurem la…e se quiserem conversar meu face é aldo santos e meu whats é 5193200342. .. nao sou medico nem nada apenas um alegre guerreiro vencendo medos e barreiras psiquicas…abraço galera .. a força esta em nosso interior…

  133. marlete

    Nossa que bom que encontrei muitas pessoas que estao passando pelo mesmo problema que eu.No meu caso minha sindrome do panico voltou porque fui obrigada a me separar do meu marido de uma relação de 12 anos.MINHA EX SOGRA começou a mandar na nossa vida e na dele, pior de tudo foi que eu me dediquei estes doze anos, deixando meu filho na epoca com 10 anos passar por momentos constrangedores por ciumes e inveja da familia dele.Mas como gostava muito da pessoa em questao procurava contornar a situação.Comecei a ter sindrome do panico desde entao.Barra pesada mesmo.Maior burrice de uma mulher e acreditar que homem grudado na barra da saia da mae um dia desgruda.Pois nao desgruda mesmo.Melhor separar do que aguentar pessoas ignorantes.Acham que depressão e sindrome do panico e coisa de gente preguiçosa, que arruma desculpa para tudo.MEU CHAO desabou quando um mes de separação o dito cujo ja estava com outra mulher, ja engravidou-a e ainda por cima assumiu duas meninas 3 e 4 anos.Tudo que conquistamos juntos , a outra esta desfrutando.Eu fiquei com dividas, carro detonado por causa dele, casa que eu comprei toda arrebentada porque nao tinha tempo para arrumar, muito ocupado ajudando a mamae querida dele.Agora a mulher nova dele.Nao posso falar com ninguem sobre a doença, nem sobre a separação e tenho que engolir o fulano passando direto de carro com ela pra cima e pra baixo.Meu filho hoje precisa do carro para ir trabalhar e faculdade nao tem, sei que estou começando do zero.Mas a dor maior e da rejeição.Como se os anos que vivemos juntos nunca existiu.As pesooas sempre vem cobrar da gente o porque que nao damos a volta por cima.Facil falar quando nao se em a dita da sindrome do panico e da depressão, ae porque o anti depressivo simplesmente todos os efeitos colaerias resolveram me escolher.Tomo a metade do comprimido citalopram, no dia seguinte desisto.Rivotril tb é horrivel.Nao sei o que e pior.Todos falam para eu ir no salao me arrumar, dar a volta por cima.Agora pergunto, alguem faz milagres em ZUMBIS????JA ESTOU CANSADA

  134. Mendes

    “mil cairão a tua direita, e dez mil a tua esquerda, mas tu nao serás atingido.” salmo

    Quando mais novo passei por isso, é indescritível o desespero que isso causa sem motivo algum, lembro-me que quando anoitecia sentia um desespero difícil de descrever, nao conseguia se quer beber um copo de água sem que alguma outra pessoa estivesse por perto, e fiquei assim por longos meses, dormia pouquíssimas horas, era uma tribulação, e nada dava jeito, nada mesmo, mas comecei a buscar em Deus paz e tranquilidade, e foi nele e em seus ensinamentos que finalmente esse sofrimento passou… Sabem porq? Porque quem tem fé e acredita, não teme a nada, nao tem um problema que nao enfrente de cabeça enguida. Sei que pra muitos esse “papo de cristão” e é bobagem, mas acredite, fé em Deus é a solução pra tudo. Os livros de paulo ensinam a como ter uma vida em paz completa.

    Se apoiem em Deus, em Jesus e tenham fé, porque é a unica coisa que nunca os abandonaram.

    “o choro pode durar uma noite, mas a alegria vem pela manhã “

  135. rosana silva

    Eu tenho aceleramento no coraçao todos os dias depois do almoço.será q o que vem ser isso?

  136. Daniele

    Olá,boa noite!!
    eu já sofro desse mal a mais de 9 anos.as vezes acho que vou surtar!!
    os sintomas são horríveis,não gosto nem de pensar!!tenho tremores pelo corpo,sensacão de asfixia ,dores no peito ,enjoo,incapacidade pra relaxar,medo de morrer e deixar meus filhos,dormência pelo corpo e formigamento nas mãos e pernas e ultimamente tenho sentido calafrios que dão inicio ao dedo do pé contagiando as pernas e braços e frio na barriga tipo o de adrenalina e quando isso acontece fico gelada e agitada e com a testa suada!!preciso muito de ajuda!!tomo rivotril de 0,25 e serenata pela manhã e metade de um rivotril de 0,5 a noite!!com isso adquiri uma ulsera mas já iniciei o tratamento tbm!!fiz uma bateria de exames cardiológicos,graças a Deus não tenho nada,me trato de dois em dois meses com a psiquiatra e todo sábado com a Psicóloga..alguém pode me ajudar?????não sei mais a quem recorrer!!

    • Josè Ribamar

      Procure uma igreja que vc se sinta bem. O Senhor é a solução.

  137. Rayane Mendes

    Oi gente sinto as mesmas coisas, tenho crises direto isso é um inferno! Passei em ortopedista porque sentia uma dor insuportavel no meio das costas. E então essa dor passo pra frente e um certo dia deitei e começei a ouvir o coração entrei em panico, fui pro médico cheguei lá fiz um eletrocardiograma deu 125 por minutos, entrei em panico mais no trosso da pressao dava a pressao 13.9 e os batimentos 90 e entao descidir ir em outro médico fiz outro eletro deu 87 os batimentos, mais depois disso coloquei na cabeça e minha vida viro um inferno nao queria mais sair de casa e fazer nada só chorava achando que ia morrer do coração! Passei no clinico diziam que era estresse e tals me passaram maracujina e passalix! Geeente pela amor de Deus nao tomem isso da uma batedeira piorrr pq é erva natural isso foi o fim nossa! Passei no psiquiatra ele me passou um Cloridrato de Sertralina e o Diazepan, esse Cloridrato de Setralina é bom mais me dava muuuita dor de estomago, o diazepan eu dormia bem mais acordava ja com as crises. Vinha do nada essas crises! Busquem a Deus que tudo isso acaba só Deus pra me dar força todos os dias.

  138. luciene vieira

    olha,sinto pânico seguido de depressao desde que nasci pois com 4 aninhos eu ja sofria disso tudo,ela vem e volta é uma doença que convivo com ela muitos anos,sinto muitas dores muitas sensações na qual vou contar pra vocês,sabe aquele frio na barriga quando vamos pra fazenda que tem aqueelas lombadas ? então aquele mesmo frio na barriga sinto dentro do cerebro,meu pescoço aperta,meu coração acelera taqui cardia,sinto dores nos ossos,nas juntas das mãos do corpo todo ,o coração acelera tanto que me da falta de ar,e vai dando uma vontade de chorar vindo de dentro da boca do estomago,é estranho,dores fortes no peito ja fui na cardiologista não tenho nada,ja fiz todo tipo de exame e nada,ela me passou um remedio chamado cloridrato de sertralina,melhorei com ele,ah e outra sabe quando coloca um copo de coca-cola ou sonrrisal na agua e faz aquele barulhinho fervendo? entao eu esculto na minha nuca,meu coralão começa a acelerar me da dor de barriga vou no banheiro e melhoro o aceleração,sinto pressão dentro da cabeça,se to sentada e levanto minha cabeça pulsa com pressao forte,tem hora que meu coraçao bate estranho sinto um gelo nele derrepente parece que ele enche muito e solta o sangue de uma vez e doi,.o jeito e conviver com isso só melhora um pouco mas nunca acaba,tenho desde minha infancia e nunca acabou,…

  139. Carolina

    Ola, me chamo Carolina e tenho 18 anos. Li muitos comentários e me identifiquei bastante. Sempre fui super ansiosa mas nunca cheguei a passar mal como nos últimos tempos. Já fiz vários exames e os médicos me disseram que esta tudo ok. As vezes tenho crises sem mesmo estar pensando em algo. Minha boca fica seca, o meu batimento cardíaco fica super acelerado, a minha pressão sobe, fico impaciente, sinto falta de ar, a minha cabeça vai a milhão e algumas vezes fico atordoada com a sensação que vou desmaiar ou até mesmo morrer. O neurologista me receitou o remédio Exodus mas tomei uma vez e nem insisti mais, quero tentar controlar isso sem remédio. Me disseram que respirar fundo e focar o pensamento em outra coisa ajuda muito, estou tentando praticar isso antes que eu fique louca.. se alguém puder me ajudar por favor. Estou aguardando respostas!

  140. Renato

    Gostaria de saber porque mesmo tomando remédios para depressão e síndrome do pânico as vezes minha pressão sobe ate 16×10 já falei com a cardiologista e ela me disse que nada tem a ver com a pressão alta e que pode ser síndrome do pânico fico super ruim so melhoro quando tomo um calmante , isso é mesmo por causa dos medicamentos anti drepressivos por favor me de uma resposta porque não aguento mais fazer exames e não dar nada, sou hipertenso mas todos os dias tomo a medicação ,fiz mapa e holter não deram nada, isso tudo me causa medo e insegurança, não sei mais a quem recorrer já que volto na psiquiatra e ela troca a medicação relato os efeitos colaterais, obrigado e aguardo uma resposta RENATO

  141. Fábio

    Comecei a ter coisas semelhantes após ter subido uma trilha no calor e mal preparado física e mentalmente. Criou-se em mim uma espécie de stress pós traumático (se é que sei o que é isso).
    Sempre fui de observar conhecimentos orientais e analisar a vida de um jeito espiritual/metafísico, e vejo que isso tem sido absurdamente útil agora.
    Busquem a meditação, dormir bem, comer bem, hidratarem-se bem nesse calor de hoje em dia e fazerem exercícios leves com bastante constância. Exercitem a respiração consciente e sintam/imaginem a energia preenchendo e fortalecendo os pulmões (e também o coração, se houver medo de ele dar algum problema, mas provavelmente ele estará bem). Natação ajuda muito a reeducar a respiração e o físico, é um exercício excelente. Orar também ajuda, a fé tudo vence.
    E observem a forma com que a mente de vocês reage a efeitos físicos, observem-se. Por exemplo, eu, no calor, relembro a sensação do ocorrido na trilha e logo começo a achar que vou morrer, mas não tem nada a ver. Ou seja, “conhece-te a ti mesmo”: Enxerguemos a forma com que reagimos às coisas e reeduquemos nossas reações: Mais uma vez, a meditação.
    Tenho lido muitas coisas, observado a mim mesmo e conversado com diferentes pessoas de diferentes níveis de conhecimento a respeito disso e isso é o que eu tenho concluído. Há alguns minutos li uma reportagem que dizia que, segundo a cultura oriental, a asma (isso para asma, talvez tenha a ver com outras coisas do pulmão) está ligada à falta de chi (energia vital) nos pulmões e/ou rins associada a stress. Aí enchi e esvaziei o pulmão duas vezes, imaginando a energia preenchendo-os, e me senti 200% melhor.
    Precisamos reeducar nosso corpo e nossa mente. Se fizermos isso, vamos educar e muito nossas almas aprendendo com esse problema. O que não mata fortalece, e somos fortes!!!

    • Fábio

      E, como diz a anônima alguns comentários acima, “um dia de cada vez”.
      “Não se esqueça de respirar”, como dizia um monge num filme.
      Acordemos com calma, arrumemos nossas camas com carinho, organizemos nossos dias e vivamos o instante presente, e logo estaremos vivendo a paz e organizando nossas almas assim como nossas camas.

  142. zeluis

    Gente também sofro disso faz anos e minha melhora foi uma natação e passei um mês tomando cloxazolam de 1mg, Foi onde tive uma melhora de 100.

  143. joana

    As.pessoas.falando.sobre.seus.
    Pobremas.e.bom.queria.fazer.o
    mesmo

  144. Ana Priscila Prih

    Gente sinto pontadas do lado esquerdo dor no pescoco,que passa pras costas formigamento no braco falta de ar,medo de morrer vontade de chorar a todo tempo

  145. Anderson Coutinho

    Meu Deus, quantas pessoas com isso… E o pior, muitas vezes a internet acaba sendo nosso único auxílio! Também sinto diversos sintomas. Consultei varios medicos e entre melhoras e pioras um medico me receitou um remedio pro coracao, pois tenho prolapso da valva mitral, problena q apresenta sintomas quando estou ansioso, q sao as palpitacoes.nossa, crises de ansiedade, taquicardia, palpitacoes… Tudo tinha melhorado, ate que agora atrasei o uso do remedio em 3 ou 4 horas e meu Deus, os sintomas estão aqui novamente e trez vezes mais frequentes… Ja estou quase em desespero, rezando para que o remédio volte logo a fazer efeito… Senti várias palpitações neste momento, enquanto escrevia essa mensagem… Moro em Brasília, tenho 22 anos. Se alguem quiser conversar sobre esse problema, TÃO INCÔMODO, pode me adicionar no face. Procure por coutinhuuhh. Boa sorte a todos.

  146. Elder

    Tudo começou há dois anos atrás. Numa tarde de 2013 não me lembro o dia, estava tranquilo no meu quarto e de repente uma dor terrível invade a região do meu peito, duraram poucos segundos mas foi algo assustador! Comecei a transpirar, as tonturas e o medo da morte aflorou ali, a crise passou naquele dia e assim deixei para depois. Alguns dias se passaram e logo voltaram as crises, e eram sempre a dor no peito, falta de ar, ansiedade, medo… Comecei mediante aos acontecimentos frequentar diversas Clinicas, realizei diversos exames cardiológicos e graças a Deus não era nada com relação ao que eu achava ser. Ficava tranquilo com cada resultado dos exames feitos mas a dor continuava, e, a cada dor, sempre aumentava a crise, principalmente o medo. Numa certa madrugada acordei desesperado, o coração parecia que ia sair pela boca de tanto que pulsava, minha cabeça estava confusa, tive que sair correndo da minha cama e abrir a porta do quarto, quando abria a porta do quarto esse desespero passava. Como era terrível esse desespero, algo totalmente involuntário… Depois desse dia eu percebi que precisava de um Psiquiatra. Começaram as seções, me entupiram de remédios, no começo da medicação eu sofri com os efeitos colaterais, houve muitas trocas de medicamentos até conseguir um que me “voltasse” a normalidade da vida. Hoje fazem cinco meses que estou sem remédios e ontem já tive uma crise, e o pior! Quando estou em lugares com muita gente conversando, começa a doer minha cabeça e ao mesmo tempo me da tonturas, pessoas que passam com som alto ou lugares fechados com som alto me dá essa dor de cabeça seguida de tonturas….

  147. Lorraine

    Tem mais ou menos 3 meses que venho sofrendo com crises de pânico, as minhas são praticamente todos os dias, tenho muito taquicardia, sono perturbado, acordo assustada, agitação, agonia, aflição, tudo eu acho que é doença, já fiz exame do coração não deu nada , fui parar no pronto socorro duas vezes bastante desisperada chorando muitas vezes achei que iria morrer ou ficar louca, ainda nn fui no psiquiatra pois estou esperando meu plano de saúde acabar a carência .. Gente tem alguém aí que pode conversar comigo me orientar em algumas coisas, eu tenho 18 anos e desde da primeira crise pra cá eu não tenho mais vida, passo o dia ruim, com tontura depois vem dor no peito sem falar com os taquicardia . Já sou casada e meu marido não sabe muito bem como me ajudar e eu também não coloco a culpa nele , ele me ajuda sempre que eu preciso, eu já estou em um ponto que já não quero viver mais , que quando penso isso vem o medo de morrer de deixar minha mãe sozinha , às vezes penso que isso só acontece comigo, estou digitando me derramando em lágrimas , gente eu não agüento mais, tem horas que sinto vontade de sair correndo pra algum lugar pra eu me livrar disso. Se tiver alguém que pode me ajudar me mande um e-mail que ai eu passo meu contato . Desde já eu agradeço :/

    • Vivian Severiano

      Boa tarde Lorraine!

      Sofro com isso a mais de 8 anos, segue meu e-mail se quiser podemos conversar sobre o assunto.
      avicky_2010@hotmail.com

    • Te aconselho a procurar um bom psiquiatra. Psiquiatras ruins existem aos montes , e um remédio errado ou na dosagem alta pode fazer você ficar com medo de ir ao psiquiatra. Porisso um bom psiquiatra vai lhe receitar um remédio que irá demorar uns quinze dias para começar a fazer efeito. Porisso quanto antes você ir ao Psiquiatra melhor. Um bom remédio para você se acalmar é o clonasepam ou Rivotril , mas só o médico pode receitar . Enquanto você não vai ao psiquiatra , tome remédios caseiros , tipo erva doce, camomila ….. vai te fazer bem .

  148. Pietra

    Pessoal, tenho 30 anos e sofro de Síndrome do Pânico desde os 7 anos.
    Desde esta idade faço tratamento com psicóloga e a partir dos 20 comecei com medicamento. Já fiquei cerca de 1 ano sem nenhuma crise.
    Porém vou falar uma coisa pra vocês:
    Mesmo sabendo desde nova que era APENAS PÂNICO em quase TODAS as crises que tive – tive a certeza da morte. SIM! Vocês não estão exagerando, paranóicos ou com doenças graves. Essa merda é pânico.
    Já tive com vários sintomas diferentes.
    Quando era pequena ficava muitas vezes com falta de ar. Atualmente o sintoma é a taquicardia (batimentos acelerados) mesmo tendo feito neste mês – ecocardiograma, rolter 24h, eletro.
    Esta madrugada acordei e senti meu coração “fibrilando” AHN?? Como isso?? Ele parecia estar TREMENDO! (pois bem, foi a primeira vez que tive este tipo de sintoma)
    e tive a certeza que estava morrendo, meu batimentos subiram imediatamente e assim foi minha madrugada, quase 1 hora para passar esta crise.
    Dormi pesadamente sem nem perceber, pesadelos, acordei já com o medo da “fibrilação” e prestando atenção ao coração.
    A psicóloga me ensinou a dizer pra mim mesma: “Nossa, o coração tá disparado? Nossa, tá fibrilando? To com falta de ar? Não tô sentindo os braços? Minha cabeça tá pegando fogo? – Se morrer, enterram!” Pois você manda esta msg pro subconsciente e ele fica putasso e pára de te encher. Mas quando já está na crise não tem jeito.
    Esta madrugada por incrível que parece consegui ficar sem ir ao hospital (pq alguém ficou me segurando – risos – esperando passar a crise). Outra coisa que ajuda depois que vc está na crise é pensar que: A descarga desta crise está na verdade regulando meu organismo que está muito ansioso (um médico explicou isso certa vez) e já consegui “passar por uma” logo no início, ao sentir a tontura e queimação pelo corpo pois lembrei dele dizendo: “É o pânico regulando meu organismo, deixa passar esta onda de adrelina, pois ele está regulando” E acreditem que deu certo?????
    Mas enfim, depois de iniciada a crise forte não tem mais jeito, o que ajuda é algum ficar apertando seu braço, perna, você ficar pegando objetos e apertando, pra voltar e focar no presente e esquecer a sensação interna do organismo – funciona!)
    Pois bem pessoal, só entrei aqui hoje pois quando tenho uma crise me acalma ler comentários com de pessoas com O MESMO sintoma que o meu e que não morreram! rsrsrsrsrsrsrs
    Agora vou sair, ir a lojas para tentar parar de prestar atenção no meu “coração tremendo” – vou admitir, estou morta de medo de ter outra crise ou estar infartando, eu queria ir no médico para ver se dessa vez (pela milésima vez) não é nada grave, infarto.
    Mas tenho fé que vou conseguir esquecer isto hoje depois dessa volta e compras (sim, meninas, compras curam quase tudo) rsrsrsrsrs
    Beijos e espero ter ajudado!

  149. Engraçado, quando vejo muitos comentários à respeito da mesma coisa que passei.
    Hoje me apego muito em Deus. Só ELE me livrou destas crises. Mas descobri algo aqui que me ajudou muito e quero.compartilhar.com vcs.
    Falta de Serotonina causa estas crises. Procure saber e fazer exames.
    Tenho certeza que 90% aqui será Serotonina. Mas não tenham medo das crises. Nunca ouvi falar que matava. E nunca matou ninguém. Mesmo as taquicardias. Decorrentes das crises.
    Se alguém quiser mais detalhes, me escrevam, phdsararaquara@gmail.com
    Ou (16)997214302 wathsapp

  150. Lorraine

    Tem mais ou menos 3 meses que eu venho sofrendo com crises de pânico, as minhas são praticamente todos os dias, tenho muito taquicardia, sono perturbado, acordo de madrugada assustada e não consigo mais me concentrar no sono, fico muito agitada, agoniada, com aflição, tudo eu acho que é doença, já fiz exame do coração não deu nada, já fui parar no pronto socorro duas vezes bastante desisperada, chorando muito, com medo de morrer ou ficar louca, ainda não fui ao psiquiatra pois estou esperando meu plano de saúde acabar a carência.. Gente tem alguém ai que pode me conversar comigo me orientar em alguma coisa, eu tenho 18 anos e desde da primeira crise eu não tenho mais vida, passo o dia todo ruim, com tontura, depois vem dor no peito, sem falar das constantes taquicardia. Já sou casada e meu marido não sabe muito bem como me ajudar e eu tambem não coloco a culpa nele, ele me ajuda sempre que eu preciso, eu ja estou em um ponto que já não quero nem viver mais, mas quando penso isso vem o medo de deixar minha mãe sozinha e meu marido também, as vezes eu penso que acontece só comigo, estou digitando aqui morrendo de tanto chorar, gente eu aguento mais .. Se tiver alguém que pode me ajudar ou pelo menos conversar comigo , me mande um e-mail que eu mando o meu contato de telefone ..
    Obrigada.
    E-mail: lolobeatiful2010@hotmail.com

  151. Roberta

    Bom dia, tbm me encontro na mesma situação… Gostaria de fazer um grupo no whats para compartilhar experiencias assim… se alguém tiver interesse entre em contato comigo por favor…. Tenho apenas 19 anos e tenho mais problemas do q minha avó de 57, acho q deve ser tudo psicologico mesmo… Isso é um pouquinho da minha historia… Aguardando retorno. Preciso muito de pessoas que me entendam. Pois os demais só me julgam…. Abraços….

    • dianna

      oi não deu certo seu gmail.

  152. Dan

    excelente blog, a 2 meses tive a primeira crise, foi apavorador visao turva e taquicardia, sempre fui saudavel e nunca tive nada parecido, fiquei 1 hora e meia com a pressao a 16 e batimentos a 120, sobrevivi, não dei muita bola pra mim tinha sido um começo de congestao por eu comer e ter deitado, ai meu pai caiu no UTI estava no onibus indo visitalo no hospital tive a segunda crise formigamento nos braços, fui para o pronto socorro, fiz eletro e exames e não deu nada, ainda não consutei outro cardiologista mas vou agendar, ontem tive um comecinho da crise do nada, minha pressao foi a 17 mas os batimentos manteram ate no maximo 94, deitei na cama com o aparelho de pressao e fui tirando, ao poucos foi abaixando, quando eu vi ja tava nos 12×8 e não tive nenhum efeito ruim durante a crise, eu deitei respirei fundo liguei a tv e foi baixando a pressão, to pensando em fazer tratamento com alho para melhorar a circulação e erva cidreira como calmante sei que pode ser psiccologico mas ja ajuda, e concerteza farei mais exames mas por enquanto estou bem so tive duas crises feias mesmo, essa ultima não senti nenhum tipo de mal estar e boa sorte a todo.

  153. moni keli silva

    Alguém pode me ajudar sinto dores intensas nas costas no peito mandíbula toda hora tô com medo de morrer.

  154. Juliana

    Boa noite , tenho 23 anos , sofro com a síndrome do panico desde os meus 16 anos , horrível não é ? Isso afetou muito a minha vida , mas eu percebi o seguinte , quando eu estava mais ativa , praticando exercícios , ficando perto de pessoas boas , e fazendo leituras saudáveis , eu nao tinha essas crises . Com 16 chegava ao ponto de nao comer pois achava que meu coração iria parar de bater se eu comesse coisas pesadas , entao eu so comia maça e manga rs , eu tinha crises e corria p a rua gritando dizendo que estava morrendo uma vergonha , até que finalmente encontrei meu equilíbrio . Engravidei com 20 anos , e imagina a tortura que foi entrar em uma sala de cirurgia rs , ou antes do meu casamento sempre imaginando que uma coisa ruim aconteceria …. Ultimamente tenho brigado com meu marido e minhas crises voltaram , mas elas pioram a noite , demoro a dormir , meus dedos formigam , eu me pego com a mao no coração só para senti lo batendo , as vezes me pego sem ar …. é horrivel viver assim , eu so queria que isso acabasse , nao consigo dirigir , eu queria meu equilibrio novamente , é como se eu nao conseguisse me adaptar a essa nova condição . Mas quando eu saio de manha p caminhar , e tenho um dia produtivo eu consigo voltar a ser o que era , entao uma dica de uma pessoa que teve isso jovem , e nenhum remedio nem psiquiatra ajudou , busque seu equilibrio , peça a Deus que te ajude , evite ficar em locais quietos demais já percebi que isso desencadeia as crises tb , nem em locais agitados d+ , vá a um barzinho com musica a0 vivo , a uma praia , um clube , passeios saudáveis , evite pessoas que te façam mal, se vc mora sozinho ou fica muito tempo sozinho , ponha uma musica , tente ocupar sua mente , e se Deus quiser vamos conseguir controlar isso . Um beijo para todos espero ter ajudado um pouco

  155. Oi gente a dor que a gente sente quando passa pelo pânico é horrível, sensação de esfalecer. Coração parece que vai parar, mais tudo isso está na nossa cabeça aprendi a lidar com a síndrome do pânico e medo hoje vivo bem melhor, mas quando passo nervoso ou medo meus músculos do corpo doem muito. Me sinto cansada para andar, mas respiro fundo conto até 20 e aos poucos vou ficand o melhor desejo a todos muita força e fé em Deus para podermos superar tudo isso.

  156. Daniel Henrique

    “Pessoal, talvez meua problemas não os entereçam, mas as vezes, em situações críticas, perco total controle e me torne um ser mais forte e mais louco do que eu. Ele me ajudar a me defender e não sei, mas as vezes sinto que ele quer tomar o meu lugar. Já tente recomeçar, mas eu não consigo me livrar dele. Ele seria o meu outro lado, mas vivo. Sinto que tem alguém no meu lugar. Não acredito que acreditarão no que falo, mas comento oque sinto. Obrigado

  157. Bárbara

    Gente alguém pode me ajudar depois que ganhei nenem isso foi a 5 meses tive que fazer uma cesariana de urgência depois de 1 mês que tinha tido meu bebê comecei a sentir dor nas costas dor de cabeça palpitação suor nas mãos e pés dor no peito como se fosse morrer saio correndo todas as vezes que sinto isso chego na emergência exames são realizados e nada tenho a impressão qué estou morrendo alguém aí pode me ajudar estou em crise quase que todo dia falta de ar constante eu choro só de pensar não estou suportando mais por favor alguém pode me ajudar

    • caroline

      Oi Bárbara voce tem whats ou face que eu possa entrar em contato com voce

  158. carolina

    Olá doutor me chamo carolina!doutor a cerca de 2 anos quando me levanto rápido sinto rápidas tonteiras meu rosto vira rápido minha boca abre e fecha e meu braço vira! é horrível!essas reações dura segundos e a vista escurece e vai dando uma tonteira e vai voltando devagar!tenho 20 anos e ando pesquisando sobre isso! tem uma época que some e uma época que dá constante..procuro saber se é labirintite!não sou hipertensa,diabética nada disso!será que poderia me esclarecer algo ou qual médico especialista devo procurar? Obrigado..
    Fim da conversa no bate-papo

  159. Rosa Maria Gomes Rei Mendes

    estou me sentindo sem forças, qualquer coisa que faça fico com um cansaço extremo. Tenho problema cardiaco. Vulgarmente chamado de coração maior que a caixa, mas de momento não consigo dormir nem com medicamentos que tomo… quando fecho os olhos parece que fico com falta de ar aperto no coração tenho que me levantar imediatamente … alivia mas mais tarde os sintomas voltam… Que posso fazer?

  160. Marcos Douglas

    Ola meu nome é marcos tenho 18 anos estou com muito medo não sei oq é isso hj me extressei muito discutindo com minha namorada pelo celular começei a passar mal fiquei com falta de ar parecia q minha garganta tava inchando e tava doendo tanbem comecei a chorar de raiva fiquei com raiva de esta passando mal não sei explicar por q foi a primeira vez q isso aconteceu tudo jah tah difícil pra min parece q nada da certo estava banhado esse s dias atrás quando vih um caroço na minha virilha acho q é Ernia, mas ai no dia seguinte acordei vomitando, não consigo comer direito, toh com bastante queda de cabelo, meu corpo parece q ta dolorido mais por dentro, me machuquei e parece q não sara, acho q estou com câncer ,pra ficar pior uma garota disse q tava gravida de min esses dias, meu psicológico tah muito mal, moro sozinho estou com muito medo de ir no medico e ele me da uma mal noticia ,por favor se alguem poder me explicar e me ajudar estou precisando muito não sei oq fazer

  161. ELISETE HELENA

    Tenho síndrome do Pânico, descobri que o melhor que se pode fazer é buscar equilíbrio de corpo e mente, odeio academia mais temos que buscar algum esporte o atividade que limpe a mente e ocupe o corpo físico, assim busquei muitas atividades que pudesse me dar prazer e exercícios fisico ao mesmo tempo, então faço sempre que posso caminhadas e fins de semana ghosto de pescar, sempre que faço isso durmo bem e a minha ansiedade baixa bastante. Pescar na praia e o que mais me faz bem, além de cansar bastante ando muito e o mar me acalma bastante. E sempre busco pensar que é só uma nuvem negra que o vento está aos poucos afastando.

  162. Rafael Araújo

    Olá , tenho 16 anos, faz uma semana que tive um ataque de panico que fui parar no hospital , depois desse dia começei a ter uns ataque loucos principalmente na hora de dormi ; sentir que vou morrer, Dores no peito e desconforto , Palpitações, ritmo cardíaco acelerado e taquicardia, calafrios, tremores, Sensação de estar fora da realidade, Dores abdominais, Dificuldade para respirar, falta de ar e sufocamento, Sensação de estar com a garganta fechando , não procurei nenhum cardiologista e psiquiatra (ainda) , resolvi procurar o que era na Internet , e pelo visto estou com Sintrome do Panico , tirei minhas concrusoes sozinho, se alguém poder me ajudar , serei grato!
    Só por Deus agora , eu entrego nas mãos dele , Obrigado a todos que deixaram seus depoimentos , me ajudaram muito ! Ago

  163. Maria Monica do Nascimento

    A droga rivotril e um inferno na vida de qualquer um quer umconselho nao entre nessa psgue pra entrar e reze pra sair.Essa e dica o que pode parecer um sossego vai se tornar um tedio.

  164. Bom eu tenho a sindrome do panico a 7 anos mas nunca fiz uso de qualquer medicaçao, no maximo fiz uso de produtos fitoterapicos. As crises sao terriveis, coraçao acelera, sensaçao de morte, aperto na garganta, sensaçao de que perderei o controle.
    Eu procuro a cura desse mal e me sinto feliz em estar vencendo essa doença dia a dia.

  165. Filipe

    Pessoal. Já tive grandes crises de ansiedades, hoje passo bem. Procurei um Psiquiatra que me receitou o PONDERA que surtiu grande efeito, onde só tomei por um mês. Após isso bastou eu me policiar psicologicamente para levar uma vida tranquila.

    Um das coisas que me levaram a superar as crises que eu estava tendo foi a auto-disciplina. Aprendi a adquirir confiança, otimismo, e a considerar este tipo de coisa como normal, para não tornar pior, pois, todas as pessoas passam por momentos assim, mas há pessoas especiais que fazem isso virar pânico.

    Você pode achar que minhas crises foram leves, pela forma como falo, mas não. As vezes eu tinha ataque de pânico sem nenhum motivo.

    Mas coloquem isto em vossas consciências, a maioria destas coisas que vocês sentem são nada mais do que problemas criados pelas suas cabeças. Vocês não tem nada a não ser uma emocional grandemente sensível que deve ser trabalhado.

    Você precisa ser confiante e acreditar que pode deixar de lado isto, ou todos os problemas decorrentes disto. Na vida existem diversas coisas legais para se fazer, se conseguirem ocupar suas mentes com coisas boas, logo estarão curados.

    Outra coisa importante que vocês têm que entender: Sua ansiedade só vem quando você lembra que tem ansiedade. Se você sente ansiedade o tempo todo, é porque você a teme todo momento, você pensa nela todo momento, e saiba, você não irá melhorar se não se esforçar para permanecer ocupando sua mente com coisas sadias. EU CONSIGO, depois de muito esforço eu adquiri esta habilidade. Quando começo a me sentir nervoso, rapidamente mudo minha mente, penso em outras coisas e consigo me controlar. Mais você precisa concentrar-se profundamente para tirar a coisa ruim da sua cabeça para colocar uma boa, e pensar nesta boa, até esquecer-se da ruim.

    Você já tentou lembrar dos momentos em seu dia em que você não se sente ansioso e o porquê disto? Por que sua mente certamente está ocupada com outra coisa e não há espaço para aparecer ansiedade.

    Amigos, sei que este problema é ruim, mas com uma boa orientação é facilmente sanado. Espero ter ajudado vocês.

    Sds.

  166. Larisse Barbosa

    Olá tenho 20 anos, eu era uma pessoa super determinada, feliz e de repente tive crises de ansiedade, as vezes vem pensamentos do passado e pensamentos para me matar. Meu coração dispara e tenho fortes dores de cabeça e não consigo dormir, meu corpo todo dói. Já procurei um cardiologista, mas não deu em nada. Ele falou que meu problema é emocional e isso já faz um mês. me sinto triste o tempo todo. E não tenho vontade de sair. Realmente preciso de ajuda não quero ficar assim pra sempre

  167. Ana Paula Mello Vianna

    Estou sofrendo tanto com esse problema. Fiquei 10 anos sem tee nada, até que um dia voltou tudo. Sinto palpitações todos os dias, acho constantemente que posso morree. Não saio sozinha, tenho medo de tudo, horrível. Agora o médico passou EXCITALAX, meu medo é tanto que fico até com medo de tomar o remédio. Fui ler a bula e me desesperei. Será que esse remédio vai reaolver o meu problema? Tomo dramin as vezes, pois durmo sentada e as vezes nem isso é possível. Como esse problema para a vida da gente. Muito triste. Só para constar, já fui em mais de seis cardiologista, todos falaram que o meu problema é ansiedade.

  168. Wellington

    Olha Rafael pelo o que vc disse em seu depoimento,tudo indica sim que vc sofre de síndrome do pânico.Tenho esse poblema desde meus 18 anos,hoje Tenho 27,ou seja a 9 anos que passo por iss.Ja fiz varios exames na época onde os medicos disseram que não havia nada de grave comigo pra meu alívio,so que eu queria entender o porque das loucuras q me acontecia no dia a dia.Me encaminharam então a um pisiquiatra,q no qual me fez milhares de perguntas numa sala fexada com outros especialistas no caso,onde me deu mt medo,pq eu não sabia explicar oq acontecia comigo,pensei que eles fosse me internar.Mais não foi o caso, pq eu tinha ou melhor,tenho,é síndrome do pânico,associada a ansiedade e depressão.Enfim sofro mt com tudo isso,pq não consigo ficar em um serviço um tempo bom,tenho medos frequentes de que eu possa surtar,da um ataque e morrer,Ja tomei varios remedios eles aliviam um pouco quase nada,hj tomo so o diazepam e fluoxetina,onde sinto que se eu ficar sem estes eu morro,Enfim acredite,pra medicina o nosso caso caro amigo não tem cura,mais pros medicos dos medicos,tudo é possivel,tenha fé,lute contra isso e viva,boa sorte.

  169. Sinto uma incapacidade um tanto perturbadora ante às cobranças imposta pela vida.
    Assim,tenho me isolado socialmente, não por causa das pessoas mas, para pensar melhor na ação que devo tomar
    O barulho que as pessoas fazem é como ruído que me incomoda
    Mas, acabo me isolando e não resolvendo nada, pois ninguém é uma ilha,somos todos um continente.
    E quando no isolamos, a única coisa que conseguimos é fazer que ninguém saiba de nada e não conseguimos resolver tudo sozinhos.

  170. Erivan

    Olá meu nome é erivan tenho 24 anos , a dois anos atrás eu ia morrendo afogado em uma lama que que tinha em abaixo de um rio que eu nadava , essa lama me puxou , a sorte foi a raiz de uma árvore ,na hora eu entrei em desespero , depois disso quando eu lembro eu fico mexendo os meus pé se batendo , o que pode ser isso ??

  171. Claudia

    Boa tarde, tenho 30 anos e sofro de transtorno de ansiedade e pânico desde os 15 anos de idade. Hoje com psicoterapia estou melhorando, só que este ano comecei a fazer faculdade sai da minha zona de conforto e voltei a ter uns pensamentos ruins e alguns ataques de pânico. Isso me deixou muito insegura, pois não quero passar por isso ainda mais com novas oportunidades na minha vida. Procurei novamente ajuda médica e ontem comecei a tomar Pondera 10 mg e Rivotril 0,25 mg em caso de perder o controle. Mais tenho a impressão que o medo aumentou… Será que é porque faz pouco tempo que estou tomando? Ainda depois de 15 anos ainda não acredito que passo por essa situação, sou casada e sem filhos, minha vida está tudo bem. Eu não admito pensar ou ter esses sentimentos, acho cruel comigo mesma. Será que um dia vou acordar e isso desaparecerá para sempre? Será que nunca vou ter paz na mente? Porque esse medo toma conta de mim e me impede de viver feliz plenamente!

Leave Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

clear formSubmit